Dom03292020

Last update04:44:26 PM

 


Back Você está aqui: Home Brasil

Brasil

Sebrae e Abrasel lançam cursos para qualificar empresários do setor de bares e restaurantes

Sebrae e a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) lançaram nesta semana, cursospara qualificar gratuitamente micro e pequenos empreendedores do setor de alimentação fora do lar. O anúncio foi feito no 31º Congresso Nacional da Abrasel, que está sendo realizado em Brasília. Durante o evento, o presidente do Sebrae, Carlos Melles, afirmou que o segmento é um dos que mais gera empregos no país, principalmente entre os pequenos negócios. A ação conjunta entre as duas instituições vai possibilitar o aprimoramento dos conhecimentos de potenciais empresários nas áreas de gestão de pessoas, gestão da empresa, qualidade e processos, projeto e gestão do produto.

A parceria prevê o desenvolvimento de conteúdos que vão contemplar 30 diferentes temas, seguindo a metodologia de aprendizado rápido (Fast Learning), com o uso de vídeos de curta duração e e-books, que estarão disponíveis aos participantes, em plataforma online. A escolha dos temas que serão tratados foi feita a partir de uma pesquisa realizada com 120 empresários de bares, restaurantes, cafés, padarias, lanchonetes, dentre outros. Para ter acesso aos cursos, é preciso entrar no ambiente e se inscrever: www.sebrae.com.br/abrasel. A inscrição é gratuita

DER lança aplicativo que permite consulta às multas


Bolsonaro declara que os radares móveis vão deixar de existir

Os proprietários de veículos autuados nas rodovias estaduais paulistas já podem realizar a indicação do condutor da infração cometida e realizar consultas (sobre multas, por exemplo) sem sair de casa, através do novo aplicativo do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), órgão ligado à Secretaria Estadual de Logística e Transportes, que já está disponível para downloads.

A novidade está valendo a partir destasegunda-feira (12/08) e atende aparelhos smartphones – com tecnologia Android, por meio do Google Play Store, e iOS, do Apple Store. Outra boa notícia é que o site do DER passa a permitir que os condutores preencham o formulário online para pleitear a penalidade de advertência por escrito – infração de natureza leve e média.

 O app DER ONLINE vai permitir que os proprietários dos veículos realizem procedimentos antes burocráticos, com mais comodidade, agilidade e em qualquer horário.

O DER ONLINE, que é gratuito, também reúne outros serviços do Departamento, como consulta de quaisquer multas cometidas nas rodovias estaduais paulista administradas pelo DER e concedidas pelo Governo do Estado de São Paulo, para veículos cadastrados no país. A consulta poderá ser feita pelo RENAVAM do veículo, CPF ou CNPJ. Os condutores também poderão acompanhar o resultado da análise da defesa de autuações e os recursos administrativos enviados ao órgão e indicação de condutor infrator.

Tudo isso na palma da mão, diretamente no aplicativo do celular.

COMO FAZER

Na loja de aplicativos do seu celular use a busca para localizar o aplicativo chamado DER ONLINE, clique na imagem e em "instalar". O motorista deverá ler com bastante atenção as instruções do formulário que permite efetuar a indicação de condutor infrator.

Indicação de pessoa física:

- Acesse o serviço "Indicação do Condutor" no app DER ONLINE;

- Leia atentamente as instruções e em seguida clique no item "Ciente das informações";

- Digite a placa e número do Auto de Infração de Trânsito (AIT);

- Preencha com o número da CNH do Indicado, data de validade da CNH do indicado e o estado de emissão da CNH;

- Baixe e preencha o formulário com os dados do condutor indicado e assine (condutor indicado e proprietário do veículo);

- Tire foto da CNH do condutor indicado, documento de identificação para validar assinatura proprietário (RG ou CNH) e do formulário devidamente preenchido e assinado.

Os arquivos deverão estar no formato JPG.

É obrigatório anexar cópia legível do documento de habilitação (CNH) do condutor, documento de identificação (RG) ou outro documento que tenha assinatura idêntica à do formulário e uma procuração, quando for o caso. É importante assinar o formulário e coletar a assinatura do condutor infrator.

O pleiteante também precisaterem mãos o auto de infração e documentos do veículo, para informar a placa. A indicação do autor da infração é de responsabilidade do proprietário do veículo e deverá obedecer ao prazo estipulado na notificação da autuação emitida e processada pelo Departamento.

No site do DER

A indicação do condutor online também está disponível no site oficial do DER (www.der.sp.gov.br), por meio do botão, "Indicação de condutor online", na aba – lado esquerdo – "Multas e Recursos".

Ainda no site, também está disponível a PAE (penalidade de advertência por escrito), um recurso ao qual o condutor tem direito quando recebe a primeira multa em um ano. Caso não seja grave, ele pode solicitar a PAE, ou seja, o cancelamento da multa em troca de uma advertência. Este recurso também estará, em breve, disponível no app DER ONLINE.

RADARES MÓVEIS

O Presidente Jair Bolsonaro afirmou ontem, dia 12, que o Brasil não terá mais radares móveis a partir da semana que vem. A informação aconteceu durante a inauguração de obras de duplicação da BR-116 no Rio Grande do Sul. "Estou com uma briga juntamente com o Tarcísio [de Freitas, ministro da Infraestrutura] na justiça para acabarmos com os pardais no Brasil, essa máfia de multas, que vai para o bolso de alguns poucos nessa nação. É uma roubalheira. Anuncio para vocês que a partir da semana que vem não teremos mais radares móveis no Brasil", disse o Presidente que não especificou como isso será feito.

Bolsonaro também se mostrou otimista quanto à aprovação do projeto de lei apresentado na Câmara que sugere, entre outros, um aumento de 20 para 40 no limite de pontos para cassação da CNH (Carteira Nacional de Habilitação) e a ampliação de 5 para 10 anos do prazo de validade do documento.

Brasil confirma melhor campanha em Jogos Pan-Americanos

Pedro Ramos/ rededoesporte.gov.br

Brasil conquistou 171 medalhas sendo 55 de ouro

Terminou a edição 2019 dos Jogos Pan-Americanos, realizados de Lima, no Peru, a equipe brasileira confirmou a melhor atuação do país em Jogos Pan-Americanos:  171 medalhas e garantiu o país no 2º lugar do quadro geral de medalhas, com 55 de ouro, 45 de prata e 71 de bronze.

A medalha de ouro de Guilherme Costa nos 1.500m da natação, foi a marca para o país chegar a 53 ouros em Lima e superar sua melhor campanha em Jogos Pan-Americanos na história, ocorrida no Rio 2007, com 52 ouros.

Foram 19 dias de jogos Pan-Americanos. Nesse tempo, o Brasil mostrou dominância em algumas modalidades, surpreendeu em outras e também viu medalhas que pareciam quase certas escaparem.

Favoritismo confirmado

Um deles foi Fernando Reis. Ele conquistou o tri pan-americano no levantamento de peso com uma performance impecável. Ele somou 420 quilos levantados, somando o arranco e o arremesso, e garantiu com folga a medalha de ouro. Muito superior aos seus adversários, ele levantou 21 quilos a mais que o segundo colocado, o cubano Luis Manuel Lauret, com 399 quilos.

O time de handebol feminino também manteve seu posto de imbatível nas Américas. A vitória na final sobre a Argentina não veio fácil. As adversárias foram mais eficientes e concentradas no primeiro tempo, mas viram a seleção brasileira corrigir os erros na segunda metade da partida e vencer por30 a 21. Além de faturar o ouro e o hexacampeonato no handebol, as brasileiras asseguraram presença nos Jogos Olímpicos de Tóquio, em 2020.

Um dos principais nomes do Time Brasil na atualidade, o baiano Isaquias Queiroz venceu na prova de C1 10000. Essa foi a quarta medalha de Isaquias em jogos Pan-Americanos. Ele também participou da final da prova de duplas C2, mas seu parceiro, Erlon Souza, passou mal e eles não completaram o percurso.

Um dos carros-chefe de medalhas, tantoem jogos Olímpicos comoem jogos Pan-Americanos, o judô brasileiro brilhou mais uma vez. Mayra Aguiar e Rafaela Silva, medalhistas no Rio, em 2016, não tiveram grandes dificuldades para botar mais dois ouros na conta do Brasil.

Natação

Uma das modalidades mais generosas para o Brasil nos jogos Pan-Americanos, a natação voltou a brilhar. Foram 30 medalhas, sendo dez ouros, nove pratas e 11 bronzes. Dentre os triunfos, estão os ouros de Guilherme Costa nos 1.500 metros, Etiene Medeiros nos 50 metros livre, Bruno Fratus também nos 50 metros livre e do revezamento masculino 4x200 livre, com Luiz Altamir, Fernando Scheffer, João de Lucca e Breno Correia.

Francisco Barretto e a ginástica artística

Grande destaque da ginástica artística brasileira nesse Pan, Francisco Barretto conquistou três medalhas de ouro nesta edição do Pan: Na barra fixa, no cavalo com alças e na equipe masculina. O triunfo de Barretto foi de grande ajuda para a ginástica brasileira. Foi a melhor campanha na modalidade na história do Pan, chegando a um total de 11 medalhas – quatro de ouro, quatro de prata e três de bronze nesta edição do evento.

Basquete feminino

Foi um desempenho histórico. A seleção feminina de basquete resgatou uma performance digna dos anos dourados da modalidade no país, quando Magic Paula e Hortência comandavam as vitórias, e voltou a ganhar um Pan-Americano. Desde 1991, nos jogos de Havana, que isso não acontecia. As brasileiras derrotaram os Estados Unidos por 79 a 73. Para chegar à final, a seleção passou por Canadá, Paraguai, Porto Rico e Colômbia. Uma conquista incontestável e merecida.

Patinação artística

Pela primeira vez, a patinação artística feminina brasileira ganhou uma medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos de Lima, no Peru. A autora da façanha foi a patinadora Bruna Wurts. Com apenas 18 anos, ela subiu no degrau mais alto do pódio ao somar 103,17 pontos na apresentação.

Vela

Martine Grael e Kahena Kunze ainda surfam na boa fase iniciada com o ouro olímpico, nos jogos do Rio de Janeiro, em 2016. Em Lima, a dupla brasileira faturou o primeiro ouro em jogos Pan-Americanos na modalidade. As duas haviam conseguido a terceira colocação da regata da prova (Medal Race) e precisavam apenas terminar essa etapa para conseguir o ouro.

Boxe feminino

Beatriz Ferreira conquistou a medalha de ouro ao vencer a argentina Dayana Sanchez na categoria leve (57 kg-60 kg). Foi o primeiro ouro do Brasil no boxe feminino em jogos Pan-Americanos. O ouro veio após uma luta na qual Beatriz foi superior nos três rounds, com todos os cinco juízes dando a vitória incontestável para a brasileira.

Ouro inédito no Badminton

O melhor atleta brasileiro de badminton colocou de vez seu nome na história do esporte no Brasil. Ygor Coelho conquistou o primeiro ouro do país na modalidade ao vencer o canadense Brian Yang por 2 sets a 0.

A medalha de Ygor, no entanto, não foi a única do Brasil na modalidade. A equipe brasileira chegou ao total de cinco medalhas nesta edição do Pan: o ouro do carioca e quatro bronzes nas duplas.

(Com informaçãos da Agencia Brasil)

Reforma da Previdência chega ao Senado e será relata por Tasso Jereissati

Foto Jefferson Rudy/Agência Senado)

 

Ao lado de Simone Tebet e Tasso Jereissati, Davi Alcolumbre faz leitura da PED

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre, recebeu nesta quinta-feira (8) a proposta de reforma da Previdência Social (PEC 6/2019) das mãos do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia. O senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) foi confirmado como relator da proposta, que vai para a Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ).

A reformafoi aprovada pela Câmara em segundo turno nesta semana, na forma de um substitutivo que promoveu várias alterações sobre o texto original do governo federal. Caso seja aprovada pelo Senado sem modificações, estará pronta para ser promulgada como emenda constitucional.

O Senado deve retomar a inclusão de servidores públicos estaduais e municipais nas novas regras previdenciárias, medida que constava da primeira versão da reforma, mas acabou sendo retirada pelos deputados.

Para evitar que essa eventual alteração force o retorno da proposta para a Câmara, atrasando a promulgação, a ideia dos senadores étratar do assunto em uma segunda PEC- a chamada "PEC paralela". Dessa forma, o texto atual já poderia ter sua tramitação concluída no Senado.

Relator e comissão

A relatoria da PEC 6/2019 na CCJ ficará com o senador Tasso Jereissati. Ele também é relator dacomissão especial de acompanhamento da reforma, em funcionamento no Senado desde abril. O presidente Davi Alcolumbre defendeu a indicação destacando que Tasso passou os últimos meses acompanhando de perto as discussões sobre o novo sistema previdenciário.

Tasso adiantou que pretende apresentar o seu relatório antes do prazo regimental de 30 dias que a CCJ tem. Ele encorajou os senadores a apresentarem contribuições de toda natureza, mas observou que o tema exige celeridade porque a Previdência vive uma “escalada deficitária” que ameaça levar o país à “falência financeira”.

A presidente da CCJ, senadora Simone Tebet (MDB-MS), elogiou Tasso Jereissati como o mais indicado para a tarefa e também falou positivamente do trabalho da Câmara. Para ela, os deputados corrigiram problemas graves do texto original proposto pelo Executivo e deram passos importantes.

Depois de passar pela CCJ, a PEC 6/2019 irá para o Plenário, onde precisará passar por cinco sessões de discussão antes da primeira votação. São necessários pelo menos 49 votos favoráveis para que ela seja aprovada em primeiro turno. Depois de mais três sessões de debates, ela deverá ser votada em segundo turno, com a exigência do mesmo quórum para a aprovação.

(Com informações da Agência Senado)

Poupatempo oferece atendimento para reconhecimento de paternidade

Ação reforça a parceria do programa de atendimento ao cidadão com o Ministério Público Estadual

Na semana em comemoração ao Dia dos Pais, o Poupatempo oferece, em parceria com o Ministério Público Estadual (MPSP), atendimento para quem busca o reconhecimento de paternidade.

Todo cidadão que desejatero nome do pai nos documentos pode procurar qualquer um dos 72 postos fixos de atendimento do Estado de São Paulo para solicitar gratuitamente o serviço. A ação reforça o programa existente em todas as unidades “Encontre seu pai aqui”, e tem como objetivo garantir o direito básico de ser reconhecido pelo pai biológico.

“O serviço de investigação e reconhecimento de paternidade está disponível em todos os postos do Poupatempo, distribuídos pelo Estado, e já registrou mais de 4,4 mil atendimentos”, destacou Ernesto Mascellani Neto, Superintendente da Prodesp - empresa de tecnologia do Governo responsável pela gestão do Poupatempo.

Como funciona o “Encontre seu pai aqui”

A solicitação (Termo de Indicação de Paternidade) deve ser preenchida nas unidades do Poupatempo por alguém com mais de 18 anos e pode beneficiar pessoas de qualquer idade. Para simplificar o processo e evitar cobrança de taxas judiciais nos cartórios, o requerente pode declarar-se incapacitado de arcar com as despesas do processo. É necessário apresentar documento de identificação e cópia.

Depois de digitalizar o formulário e as cópias dos documentos, o Poupatempo enviará o material por e-mail para o Ministério Público (MP). A partir daí, o promotor de Justiça competente, se o pai for localizado e voluntariamente concordar, providenciará a averbação e a extração de uma nova Certidão de Nascimento, que será entregue ao interessado num prazo estipulado pelo MP. Caso o pai não seja encontrado, não faça o reconhecimento ou tenha dúvidas sobre a paternidade, o promotor poderá encaminhar o interessado a um serviço de assistência judiciária (Defensoria, faculdades de Direito, serviços municipais).

Juiz sanjoanense determina que Lula cumpra pena no Presídio de Tremembé

A Superintendência Regional da Polícia Federal no Paraná pediu a remoção do ex-Presidente Lula, detido desde abril de 2018 na carceragem da Polícia Federal em Curitiba. A PF alegou que, por causa da prisão, os órgãos de segurança têm de atuar de forma permanente para evitar confrontos entre "grupos antagônicos" e que toda a região teve a rotina alterada. A corporação disse que ainda que as instalações são limitadas para presos de longa permanência.

Com este pedido, a Juíza Carolina Lebbos autorizou, nestaquarta-feira (07/08), a transferência do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para uma prisão em São Paulo. A decisão foi publicada pela Justiça Federal do Paraná ainda pela manhã.

E o Juiz sanjoanense, Dr. Paulo Eduardo de Almeida Sorci (foto), da Justiça Estadual de São Paulo, determinou que o ex-presidente  Lula cumpra pena no presídio de Tremembé, no interior paulista. A data para a transferência não foi determinada.

A decisão do magistrado, que é Coordenador e Corregedor do Departamento Estadual de Execuções Criminais de São Paulo, foi tomada horas depois de a juíza federal do Paraná Carolina Lebbos determinar a transferência de Lula da carceragem da Polícia Federal (PF) em Curitiba para um estabelecimento prisional de São Paulo.

Apesar de a condenação e a transferência do ex-presidente terem sido determinadas pela Justiça Federal no Paraná, a assessoria de imprensa do órgão em São Paulo informou que a Justiça estadual tem competência para decidir o local onde Lula cumprirá a pena.

A P2 é conhecida porabrigar presos que cometeram crimes de repercussãopara a preservação dos condenados. Lá estão Cristian Cravinhos, Mizael Bispo, condenado por matar Mércia Nakashima, Gil Rugai, Lindenberg Alves, Guilherme Longo, padrasto acusado de matar menino Joaquim, e Alexandre Nardoni.

Edital Cidades +Recicleiros abre inscrições para municípios mudarem a realidade do lixo

Até 1º de setembro, todos os municípios brasileiros com população superior a 20 mil habitantes poderão se inscrever gratuitamente no edital Cidade+Recicleiros (cidademais.recicleiros.org.br/). Asegundaedição do edital, uma parceria entre o Instituto Recicleiros e a empresa SIG Combibloc, contemplará até 12 cidades com assessoria técnica especializada para o desenvolvimento e implantação de seus programas de coleta seletiva de resíduos. As cidades que se destacarem nessa fase poderão ainda receber Unidades de Processamento de Materiais Recicláveis (UPMR), assessoria técnica de longo prazo, campanhas de conscientização para os moradores, e os recursos necessários para que os Programas de Coleta Seletiva funcionem de forma qualificada, independente, sustentável e economicamente viável.

O objetivo da iniciativa é contribuir para o avanço da coleta seletiva e reciclagem de resíduos pós-consumo em todo Brasil, por meio da implementação e disseminação de modelos inovadores e de alta eficiência em algumas regiões, pois para vencer o desafio do lixo em nível nacional é preciso começar.

Erich Burger, sócio fundador da ONG Recicleiros, ressalta que as cidades não têm custo para receber e implementar o Programa. “O compromisso dos municípios será com a regulamentação da coleta seletiva por meio do plano que desenvolveremos em parceria com a administração municipal, e a realização da coleta e transporte dos resíduos descartados até a Unidade de Processamento de Materiais Recicláveis”. Burger também explica a origem dos recursos financeiros necessários ao sucesso da iniciativa. "Eles vêm de um fundo formado pelo Instituto Recicleiros com recursos captados em diversas fontes, como empresas que investem no Cidade+Recicleiros para cumprir com as metas de Logística Reversa das embalagens que colocam no mercado". Entre as mais de 700 empresas que já aderiram ao Cidade+Recicleiros estão BASF, Cargil, Royal Canin, Red Bull, Colgate Palmolive, Aurora, Mars, Guabí, Ceratti e JBS.

Os investimentos aportados no programa Cidade+Recicleiros não são repassados ao município, mas direcionados à implementação da UPMR (obras e equipamentos); 60 meses de assessoria técnica e apoio à gestão do Programa (prefeitura e cooperativa); formação e capacitação de cooperativa de trabalho para executar os serviços de separação, beneficiamento e destinação do material reciclável; e ações de comunicação para engajar e orientar a população sobre o descarte seletivo. A seleção dos contemplados, baseada em critérios técnicos, será conduzida por um comitê de avaliação composto por especialistas do Instituto Recicleiros e pelos parceiros do edital.

Além do meio ambiente
O Programa Cidade+Recicleiros é fundamentado em três pontos principais: meio ambiente, pessoas e políticas públicas. O programa visa reduzir efetivamente os impactos da má gestão do lixo no meio ambiente, mas não se restringe a isso: a questão social está no holofote assim como as ações de conscientização ambiental e a implantação da UPMR, que será operada por meio de organizações de catadores de materiais recicláveis assessoradas ou mesmo formadas pelo Instituto Recicleiros, gerando trabalho e renda para população em estágio de vulnerabilidade social.

O programa de formação e assessoria técnica para organizações de catadores é uma das especialidades da ONG Recicleiros, que projeta empreendimentos capazes de remunerar seus trabalhadores com pelo menos o equivalente a um salário mínimo, garantindo também férias remuneradas, condições de trabalho adequadas e um ambiente motivador. Planejados para serem sustentáveis do ponto de vista econômico, podem ainda oferecer diversas oportunidades, se bem geridos e, para esse fim, o Instituto Recicleiros oferecerá um programa de assessoria intensiva por 24 meses, além de outros 36 de acompanhamento à gestão dessas organizações.

O edital Cidade+Recicleiros 2019 acontecerá em quatro etapas – vale lembrar que a participação no edital é voluntária e gratuita, e não haverá cobrança de qualquer taxa antes, durante ou após o processo de seleção.

Centro Cultural Coreano é inaugurado na Avenida Paulista, neste domingo

Programação aberta ao público conta com shows de artistas coreanos, performances e exposições, com destaque para a bandaNamsadangpae e a cantora Minzy 

Depois das inaugurações da Japan House (2017), Instituto Moreira Salles (2017) e Sesc (2018), a avenida mais famosa de São Paulo recebe o Centro Cultural Coreano do Brasil. O projeto da sede, localizada em um prédio dos anos 1970 da av. Paulista, abrigará atividades culturais e educacionais, distribuídas em três pavimentos de 900 m².

De endereço e “cara” novos, o Centro Cultural Coreano será reinaugurado neste domingo, dia4 de agosto, em São Paulo. A programação conta com apresentações e shows gratuitos, acrobacias em cordas eperformanceinédita da artista coreana Mukwon Kim. O evento acontece na nova sede do Centro, que foi realocado para Avenida Paulista, 460, em uma construção inovadora, assinada pelo premiado designer coreano Kira Kim, que trouxe para o projeto elementos que simbolizam a arquitetura tradicional coreana. A obra foi executada pela Empresa Temon Serviços.

Entre os convidados com presença confirmada no evento está o vice-ministro da Cultura, Esportes e Turismo da República da Coréia, Roh Tae Kang.  Nodomingo, dia da abertura, será instalado um palco externo em uma travessa da Avenida Paulista, com apresentações musicais das 12 às 15h00. O tradicional grupo Namsadangpae realizará apresentações de “Pungmul”, música folclórica coreana e acrobacias em cordas. A programação contará ainda apresentações de música clássica do Ensemble de Cordas, da Orquestra Jovem do Estado, e a cantora Minzy. Para Alegria dos fãs deK-pop.

Dentro do Centro Cultural Coreano haverá uma performance de “Live Drawing” da artista Mukwon Kim. Ela realizará apresentação com jogos de luzes ao ritmo de música tradicional coreana. No primeiro andar, os visitantes poderão ver a exposição “A verdadeira DMZ”, realizada pela primeira vez fora da Coréia. São instalações, fotos, vídeo artes, entre outras obras de artistas renomados como Hyosang Seung e Gyeong-a Ham.

Sobre o Centro Cultural Coreano

Fundado em 2013, o Centro Cultural é um importante elo cultural entre Brasil e Coréia. Para o diretor da instituição no Brasil, Young Sang Kwon, a mudança de endereço, no ano em que se comemoram 60 anos de relações diplomáticas entre Brasil e Coréia, é uma afirmação da existência de um estreitamento de laços entre os dois países.

Sobre a construção

O Centro Cultural Coreano que ocupa área aproximada de 900m2. Contou com a participação do premiado designer coreano Kira Kim, cujo projeto traz elementos que simbolizam a arquitetura tradicional coreana. Em parceria, os escritórios Padovani Arquitetos e Oliveira Cotta Arquitetura venceram o concurso para a sede do Centro Cultural Coreano do Brasil. A empresa Temon Serviços foi responsável pela execução da obra.

O primeiro andar tem capacidade para 100 lugares, um salão de exposições e a cozinha na qual serão realizadas as aulas de culinária coreana. No local, estão instaladas telas de alta tecnologia para exposições de artes digitais, na qual serão mostradas obras de artistas coreanos e brasileiros, tais como recriações de clássicos da era Joseon, paisagens naturais brasileiras feitas em estilo coreano e muitas outras. 

 O segundo andar, além da biblioteca e das salas de aula, conta com uma estrutura digital na qual os visitantes poderão aprender sobre a cultura coreana. Está instalada uma mesa com uma biblioteca digital composta por filmes, webtoons, vídeos de k-pop, entre outros. O visitante poderá tirar fotos com roupas tradicionais e também aprender sobre as casas e a escrita coreanas. Tudo por meio de telas touch screen.

Mesmo sem viajar para a Coréia, será possível visitar alguns dos locais turísticos mais famosos eteruma experiência única com os óculos de realidade virtual disponíveis no lobby do segundo andar. Todas estas instalações digitais fazem parte da área experimental digital da cultura coreana, que foram feitas na Coréia com tecnologia ICT, e enviadas para o Brasil para que as pessoas tenham a oportunidade de “vivenciar” a cultura coreana de uma forma totalmente nova.

Serviço:

Inauguração

Dia 04: A partir das 12 horas

Local: Avenida Paulista, 460

Evento gratuito

 

Cadastramento para atualizar dados de clientes de celular prépago


De acordo com cronograma iniciado em abril, pelo projeto piloto na área de DDD 62 (GO), as operadoras de telefonia móvel começam hoje, dia  31 de julho, asegundaetapa do processo de atualização cadastral dos clientes do serviço pré-pago em dez Estados: Acre, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Rondônia, Tocantins e Santa Catarina. Os clientes com pendências cadastrais receberão uma mensagem (SMS), informando que precisam fazer seu recadastramento.

Para atualizar seus dados, o consumidor que receber a mensagem de aviso deverá entrar em contato com a central de atendimento telefônico da sua operadora e estar preparado para informar nome completo, número de CPF (no caso de pessoa física) e o endereço completo, com CEP.

A atualização é obrigatória para todos os consumidores que possuam pendências cadastrais e quem não fizer o recadastramento no prazo estipulado pela operadora
terá a sua linha bloqueada enquanto o cadastro não for atualizado.

O objetivo do projeto Cadastro Pré-Pago é dar mais segurança e transparência para os usuários e a sociedade. A iniciativa atende ao que foi determinado pela Lei 10.703/2003 e pela resolução 477/2007, da Anatel, para que as operadoras mantenham o cadastro atualizado de seus clientes na modalidade pré-paga.

O projeto Cadastro Pré-Pago começou no dia
18 de abrilpela área atendida pelo DDD 62, na região de Goiás. Agora, está sendo estendido para todos os municípios goianos e para outros 9 Estados e, em2 de setembro, será ampliado para todo o Brasil.

A atualização do cadastro dos clientes que utilizam o serviço pré-pago é a primeira fase do projeto. Numa
segundafase, que se inicia em março de 2020, as empresas passarão a adotar um novo modelo de cadastro para novas ativações de celulares pré-pagos.

Para mais informações, os clientes podem consultar o site de sua operadora e os endereços:
http://www.anatel.gov.br/dados/cadastro-pre-pago
http://www.sinditelebrasil.org.br/cadastroprepago