Sex08072020

Last update04:09:06 PM

 

Back Você está aqui: Home Cidades

Cidades

“Lugar de Macaco é na floresta” – Campanha do Governo Estadual e Prefeitura de Águas da Prata

O Governo do Estado de São Paulo, junto com o Parque Estadual de Águas da Prata, Fundação Florestal e prefeitura de Águas da Prata lançam na próxima sexta feira, 07, a campanha “Lugar de Macaco é na Floresta”.         

A Secretaria Estadual de Infraestrutura e Meio Ambiente está desenvolvendo ações específicas para a proteção dos primatas do Parque Estadual Águas da Prata (Bosque da Prata ).  O convívio de turistas e moradores tem influenciado negativamente o desenvolvimento natural da espécie colocando em risco a vida dos animais. 

Dentre as ações está a campanha “Lugar de macaco é na floresta”, com o objetivo de habituar novamente os animais a procurarem alimento na mata. O outro viés é sensibilizar, por meio da educação ambiental, sobre a importância da preservação da espécie. A Secretaria Municipal de Meio Ambiente, de Águas da Prata, vai participar ativamente do trabalho assim que as ações forem colocadas em prática na cidade. 

“Infelizmente algumas pessoas insistem em alimentar esses animais. Já alertamos várias vezes para o perigo que isso representa à natureza e à própria saúde dos bichos. Há pessoas que dão pamonha, salgadinhos, e até doces para os macacos. O metabolismo deles não digere bem alimentos processados. Alguns adoecem e até morrem de dor de dente na mata, além de não praticarem a busca natural por alimentos. Isso tem que acabar, para o bem dos animais”, disse o Secretário Municipal do Meio Ambiente, Marcos Santos.  

Quem quiser participar do lançamento pelo aplicativo Zoom é só clicar no link abaixo ou copiar e colar o endereço na barra de endereços do PC, note ou celular.  

Tópico: Lançamento do Projeto “Lugar de Macaco é na Floresta” - PE Águas da Prata 

Hora: 7 agosto 2020 17:00  

Entrar na reunião Zoom 

https://zoom.us/j/96319074687  

ID da reunião: 963 1907 4687 

Águas da Prata e Poços de Caldas trabalham para reativar o Trem Turístico entre os dois municípios


Uma nova tentativa de reativação do passeio turístico via linha férrea entre Águas da Prata e Poços de Caldas está em andamento. No passado, várias tentativas já foram feitas por ambas as cidades, sem resultado.  Desta vez, o objetivo tem mais chances de ser alcançado, pois de acordo com representantes poçoscaldenses, o interesse partiu do governo estadual mineiro que teria procurado autoridades de Poços de Caldas para discutir a questão.  

INTERESSE PRATENSE 

O prefeito de Águas da Prata, Carlos Henrique Fortes Dezena e a Secretária Municipal de Turismo e Cultura, Luciana Sargaço, se reuniram na manhã desta segunda, 3, com o Secretário Municipal de Turismo de Poços de Caldas, Ildeu Pereira, o Diretor de Turismo, Israel de Souza Pereira e o Engenheiro Manoel Pereira de Mello Filho. 

A prefeitura de Poços quer uma manifestação formal da prefeitura de Águas da Prata sobre a intenção da reativação do Trem Turístico que faz a ligação entre as duas cidades. Uma carta de intenções já está sendo providenciada. “Ficamos felizes com a visita e muito empolgados. Desta vez o interesse parte do governo de Minas, o que nos dá mais esperança de que o projeto pode ser executado. É uma notícia esperada há muitos anos pelos pratenses e estamos empenhados, mais do que nunca nessa questão, junto com a prefeitura de Poços”, disse o prefeito Carlos Henrique Dezena. 

  

VISTA DE TIRAR O FÔLEGO 

O passeio corta parte da Serra da Mantiqueira, justamente o trecho que liga o centro de Águas da Prata com a Estação Bauxita, no centro de Poços de Caldas. A paisagem deslumbrante e o charme de uma viagem de trem fazem do passeio algo especial

Para a Secretaria de Turismo e Cultura pratense, a ideia vem de encontro com empenho da prefeitura de Águas da Prata em conseguir a posse da Estação Ferroviária da cidade que hoje é de propriedade da União, o que impede que a prefeitura faça investimentos no local.

Caso o projeto se concretize, é imprescindível que a prefeitura tenha a posse do imóvel para que obras de infraestrutura adequadas, considerando as características da construção, sejam promovidas no local como área de alimentação e promoção de artesanato, por exemplo. “Essas adequações só poderão ser feitas pela prefeitura depois que o imóvel passar a ser propriedade do município. Vai ser interessante para impulsionar o turismo e a economia local, que é baseada no turismo”, completou Luciana.  

  

PRÓXIMO PASSO 

Depois da formalidade de intenções entre prefeituras de Águas da Prata e Poços de Caldas, a próxima etapa é comunicar ao governador de Minas, Romeu Zema, sobre o interesse pratense no projeto, o que deve acontecer nos próximos dias.  

O prefeito Carlos Henrique informou que já está agendando uma reunião com Marco Vinholi, Secretário de Desenvolvimento Regional do Estado de São Paulo, para tratar do assunto - “Vou me empenhar para que o governo paulista também colabore e assim tenhamos um esforço conjunto de Minas e São Paulo para que esse projeto se realize o quanto antes”. 

8º Festival Gastronômico será na modalidade delivery


(Foto Arquivo/ACE - evento 2019)

 

A Associação Comercial e Empresarial (ACE) divulgou o 8º Festival Gastronômico de São João da Boa Mesa na modalidade delivery. O evento já tem data marcada – 25 de setembro a 18 de outubro – e tem inscrição gratuita para associados e participantes do Sanduba São João 2020.

O festival que já se tornou referência na região tem como objetivo incentivar e aumentar o consumo do público nos bares e restaurantes da cidade, além de despertar o gosto pela gastronomia. Com uma seleção de bares, lanchonetes, empórios, padarias e restaurantes, os participantes oferecerão pratos com preços promocionais que variam entre R$ 9,90 e R$ 49,90.

Os interessados em participar do São João da Boa Mesa devem conferir as regras/valores e realizar sua inscrição pelo site acesaojoao.com.br/sjdaboamesa, até 7 de agosto (sexta-feira).

“Todos os anos nosso festival tem sido um sucesso. Esse ano por conta de todas as dificuldades causadas pela pandemia, nós decidimos manter o festival, mas desta vez no formato delivery. Uma maneira de incentivar, movimentar, aumentar o faturamento, ajudar os comerciantes e consequentemente a economia local, além dar oportunidade para o público experimentar pratos por preços promocionais”, afirmou o presidente da ACE, Cândido Alex Pandini.

ESTUDANTES DE FISIOTERAPIA UNIFAE REALIZAM ATENDIMENTOS ONLINE

Pacientes oncológicos em tratamento pós-cirúrgico ganham qualidade de vida

Entusiasmados com os progressos obtidos com as consultas virtuais, os alunos bolsistas do programa de Iniciação Científica e os estagiários do 9º. ano do curso de Fisioterapia abriram mão das férias de julho para não interromper novamente o trabalho que realizam com as pacientes em atendimento pós-cirúrgico de câncer de mama.

A primeira interrupção veio bruscamente, com a imposição do isolamento social em função da Covid-19. De início, a situação inesperada fez com que as pacientes recorressem ao grupo formado no whatsapp para pedir orientações, mas com o aumento da demanda esta forma foi se mostrando inviável. “Temos um grande número de mulheres que são beneficiadas pelo trabalho de pilates para pacientes oncológicos, que é parte de um projeto de pesquisa financiado pelo CNPQ”, explica a Profa. Dra. Laura Resende, supervisora do Estágio de Fisioterapia em Oncologia da Clínica da UNIFAE. “Consultei então, a coordenadora do curso sobre a possibilidade de apresentar um projeto para teleconsulta. Com a aprovação da Profa. Anita, criamos um grupo no Instagram e a Agência Jr. da UNIFAE criou a arte para divulgação. Iniciamos em maio e, no momento, estamos atendendo cerca de dez pacientes, algumas duas vezes por semana”.

Um dos problemas que causa grande desconforto no pós-operatório do câncer de mama é o inchaço dos braços e, sabendo disso, a equipe da Clínica também criou um folheto com orientações para que as mulheres pudessem fazer os exercícios em casa. “Percebemos que a proposta não foi tão interessante quanto disponibilizar alguém para orientar os exercícios e acompanhar junto com elas. De início, até tivemos receio de que também esta forma não pudesse ajudá-las efetivamente, mas fomos percebendo os resultados e isto nos entusiasmou demais. É muito gratificante ver a evolução do paciente. Significa muito para toda a equipe envolvida perceber que realmente podemos mudar a qualidade de vida das pessoas.”

A experiência do atendimento remoto mostrou que esta é uma forma de também poder ajudar aqueles que, por diversas razões, não podem se deslocar até a Clínica de Fisioterapia. “Já estamos pensando que, em casos como estes, talvez a gente possa continuar fazendo estas consultas online e ajudar ainda mais gente.”, finaliza Laura.

Vale lembrar que este é um projeto gratuito e aberto à comunidade. As pessoas interessadas podem agendar o atendimento pelo O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. ou ligar para (19) 3631-4725.

CDHU promove sorteio de casas populares na região

(foto ilustrativa)

A CDHU promove sorteio eletrônico de casas populares nesta sexta-feira 24 de julho: são 33 casas para Caconde, 189 para Casa Branca e 80 para Divinolândia. Os interessados e o público em geral poderão acompanhar ao vivo pelo Facebook e canal do Youtube da Secretaria da Habitação e da CDHU a partir das 10h00.

Na cidade de Caconde, 837 famílias concorrem a 33 casas, das quais 29 são para o atender a demanda geral, três para pessoas com deficiência e uma unidade para idosos. O empreendimento Caconde-F será construído na Rua Francisco Rodrigues com investimentos de R$ 3,4 milhões.

Participam do sorteio de casas em Casa Branca, 2.135 famílias para concorrer a 189 casas. Desse total, 161 são para atender a demanda geral, 14 para pessoas com deficiência, seis para idosos e oito unidades para policiais e agentes penitenciários. Com investimentos de R$ 18,6 milhões o empreendimento Casa Branca-K vai ser edificado nas Ruas 10 e 11 do Parque São Paulo..

No sorteio para Divinolândia estão inscritas 947 famílias para concorrer a 80 casas, sendo 67 são para atender a demanda geral, três para idosos, seis para pessoas com deficiência e quatro unidades para policiais e agentes penitenciários. Com investimentos de R$ 7,9 milhões o empreendimento ficará na Estrada Municipal DVL-010 com a Rua João Darcie.

As casas terão dois dormitórios, sala, cozinha, banheiro e lavanderia. As unidades respeitam e incorporam as melhorias estabelecidas como diretrizes de qualidade pela Companhia, como pisos cerâmicos com rodapé e laje de concreto em todos os cômodos, azulejos nas paredes hidráulicas, estrutura metálica nos telhados, muro de divisa entre os lotes e sistema gerador de energia solar. O empreendimento conta com infraestrutura completa: redes públicas de água, elétrica, gás e esgoto; pavimentação das vias do entorno, drenagem, calçadas, paisagismo e iluminação pública.

Sicredi lança hotsite que ajuda empreendedores a impulsionarem seus negócios

Para estimular o desenvolvimento econômico por meio do apoio aos empreendedores locais e do engajamento das pessoas em prol da economia de sua região, o Sicredi deu início, em junho, ao movimento “Eu Coopero com a Economia Local”. Nesta semana, a instituição financeira cooperativa lança um hotsite que servirá de fonte de informações e ferramenta de apoio a empresários.

Prática, intuitiva e de fácil navegação, a plataforma é um canal de conteúdo que apoiará o empreendedor a impulsionar seus negócios com dicas, orientações e até ferramentas que o ajudam na divulgação de seus produtos e serviços no ambiente digital.

Em destaque na home, um vídeo-manifesto dá as boas-vindas aos visitantes com explicações sobre o que é o movimento e seus objetivos, ressaltando os efeitos transformadores do cooperativismo como impulsionador de economias regionais e, portanto, um dos motores da economia brasileira.

Em uma área específica para empreendedores que buscam desenvolver seus negócios, estão disponíveis vídeos gravados por colaboradores do Sicredi que explicam o que são as redes sociais, como criar contas empresariais nessas mídias, dicas de conteúdo, micromarketing, atendimento, fluxo de caixa, negociação com fornecedores e oportunidades de inovação com meios de pagamento digitais. Temas como esses também são abordados em e-books, disponibilizados para download.

Os visitantes do hotsite do movimento “Eu Coopero com a Economia Local” podem ter acesso a um gerador de anúncios digitais com o qual empresários podem criar, de maneira personalizada, cards para Facebook, folhetos e banners, entre outros itens de comunicação online que os ajudam a impulsionar os seus estabelecimentos em ambientes digitais. Essa ferramenta estará disponível no site em agosto. Há também informações sobre o aplicativo Sicredi Conecta, marketplace com o qual associados do Sicredi podem realizar negócios entre si.

Logística Reversa de Medicamentos é tese em Mestrado UNIFAE

A poluição da água potável, graves problemas de saúde, reutilização por terceiros e interferência no processo de decomposição do lixo orgânico são apenas alguns dos problemas causados pelo descarte incorreto de medicamentos. A questão é tão grave que se torna urgente não só compreender os mecanismos de contaminação da água, solo e ar, mas discutir o gerenciamento de medicamentos em desuso e apontar propostas para minimizar o problema.

A seriedade do assunto levou o professor Ronaldo Campanher a elegê-lo para a tese de mestrado: “Sendo graduado em Farmácia, esta escolha deve-se, primeiramente, à minha formação. Considerando que a linha do mestrado se baseia em “Educação, ambiente e sociedade”, foi possível adequar perfeitamente o descarte adequado com o viés ambiental”.

O trabalho foi orientado pela professora Érica Passos Baciuk, que ressalta a amplitude do tema. “Quando o Ronaldo me procurou, consideramos que a proposta seria significativa não só para nós enquanto profissionais – ele como farmacêutico e eu como fisioterapeuta que trabalha com políticas públicas de promoção de saúde – mas para a sociedade como um todo”, explica a professora.

Neste contexto, Ronaldo enfatiza que se pode afirmar seguramente que esta é uma problemática que envolve toda a sociedade:

“Atualmente, por falta de opção, a população faz o descarte no lixo comum ou na rede de esgoto. Isso acaba gerando um impacto ambiental, justamente pelas características químicas dos componentes”.

A pesquisa realizada pelo professor considerou o tráfego feito no sentido contrário ao da cadeia de produção: “A população levaria seu medicamento vencido ou não mais utilizado até uma farmácia, desta farmácia seguiria para a distribuidora, e desta para a indústria, que ficaria responsável pelo destino final. A função da logística reversa de medicamentos é justamente evitar que impactos ambientais e danos à saúde humana ocorram. Portanto, eliminar os resíduos de forma correta e com práticas sustentáveis é de suma importância”.

Boa notícia – No último mês de junho, foi publicado um decreto no Diário Oficial da União, que passa a vigorar 180 dias após a publicação, que dá o primeiro passo para a criação de um sistema de logística reversa de medicamentos. Segundo a lei, os consumidores deverão passar a efetuar o descarte dos medicamentos domiciliares vencidos ou em desuso – incluindo as embalagens – em pontos de coleta como drogarias, farmácias ou outros locais definidos pelos comerciantes.

Unifeob fará colação de grau pelo sistema drive-thru


A pandemia causou o cancelamento de quase todos os eventos importantes do mundo. Para garantir a segurança de seus estudantes e a possibilidade de ingressar no mercado de trabalho assim que as atividades normais forem restabelecidas, a Unifeob realizará a colação de grau na data estipulada, porém por meio do sistema drive-thru, adotado por cada vez mais instituições de ensino superior no Brasil.

O evento está programado para acontecer no Campus Mantiqueira nos dias 30 e 31 de julho e contará com a participação de aproximadamente 180 formandos da Unifeob dos cursos de Direito, Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo, Engenharia Agronômica, Medicina Veterinária, Enfermagem, Fisioterapia, licenciaturas e áreas de Negócios e Gestão.

A maior preocupação da Unifeob é manter o ambiente totalmente seguro para estudantes, familiares, colaboradores e prestadores de serviço. Para isso, serão aplicadas várias medidas de higiene e distanciamento social. O evento será dividido em dois horários distintos por dia, para evitar aglomerações, e os formandos e seus familiares deverão ficar o tempo todo no interior dos automóveis, e no palco, onde será colado o grau, cada estudante participará individualmente.

Familiares e amigos de cada formando poderão acompanhar a transmissão ao vivo da cerimônia pelo canal da Unifeob no Youtube. Também será possível fazer a colação de grau virtualmente em data agendada previamente junto à Central de Relacionamento.

Esta será a primeira vez que a Colagrau, parceira da Unifeob, realizará a cerimônia pelo sistema drive-thru. “Como esse modelo de evento é uma novidade para todo o setor, fizemos várias reuniões com a Unifeob”, explica o proprietário Renan Menezes. “Iremos adotar todas as providências dos protocolos de segurança emitidos pelo Departamento de Saúde do município e do Estado de São Paulo”.

R$ 2 milhões milhões para o Hospital de Divinolândia


O Hospital Regional do município de Divinolândia receberá um repasse de verba, no valor de R$ 2 milhões de reais, para investir em melhorias de sua infraestrutura. O valor será depositado na conta do CONDERG- Consórcio de Desenvolvimento da Região de Governo  de São João da Boa Vista) que é responsável pela gestão do hospital. A verba foi conseguida através dos Deputados Coronel Tadeu (Federal) e  Major Mecca (estadual), ambos do PSL. 

Cerca de 20 municípios da região são atendidos pelo Hospital Regional de Divinolândia, inclusive São João da Boa Vista.