Sex02282020

Last update02:32:35 PM

 


Back Você está aqui: Home Cidades

Cidades

Renovias planeja alcançar marca de 1 milhão em redução de copos plásticos

 

Com a finalidade de estimular a mudança de atitude de seus colaboradores em relação ao consumo de copos plásticos descartáveis, a Renovias implementou uma série de medidas que já trazem bons resultados, principalmente à natureza. Desde julho deste ano, a concessionária reduziu a compra deste tipo de material, substituindo-o por copos de vidro e xícaras de louça na sede e nas bases operacionais da empresa.

Com isso, em setembro de 2020, a marca de 1 milhão de copos reduzidos será alcançada. Isso significa que, com todos esses copos deitados, seria possível construir um trajeto que ligaria a sede da Renovias, na SP-340, em Mogi Mirim, até o pedágio de Águas da Prata, na SP-342, completando um caminho de pouco mais de 80 quilômetros.

Além disso, os colaboradores receberam copos de acrílico, que são reaproveitados e que são uma opção para beber água. Reutilizáveis, esses copos são 25 vezes menos impactantes à natureza, quando comparado às outras opções de descartáveis. A campanha “Juntos por um futuro melhor” se baseia no princípio dos três R’s (reduzir, reutilizar e reciclar) e faz parte das ações de sustentabilidade da Renovias, concessionária integrante do Programa de Concessão Rodoviárias do Estado de São Paulo.

“Nosso departamento administrativo fez um levantamento da quantidade de copos utilizados em 2018 e o número chamou nossa atenção. Foram mais de 780 mil copos plásticos que foram descartados. Vimos aí uma oportunidade de contribuir com a natureza e mostrar aos nossos colaboradores que pequenos hábitos podem ajudar o meio ambiente”, comentou o presidente Rogério Cezar Bahú. “Uma pessoa que utiliza três copos por dia, em um ano, irá economizar 1.095 copos, que faz uma grande diferença”, completa.

Para este ano, a meta é reduzir em 51% o descarte de copos plásticos, o que representa pouco mais de 397 mil copos. Para 2020, a meta da Renovias é reduzir ainda mais a utilização, chegando em 95%.

A maioria dos copos plásticos não são reciclados, por conta de seu baixo custo de mercado e durabilidade. Por isso, eles são descartáveis. Por outro lado, esses resíduos demoram de 250 a 400 anos para se decompor, passando por diversas gerações. Além disso, na etapa de produção desse material, utiliza-se mais água. Pesquisas da UFSCar (universidade Federal de São Carlos) indicam que para a produção de um copo descartável são utilizados até 3 litros de água.

IBGE promove reunião em apoio ao Censo Demográfico 2020


O IBGE realizou nesta quinta-feira (24), a Reunião Municipal de Preparação e Acompanhamento do Censo Demográfico 2020. O encontro aconteceu às 15h00, na Câmara Municipal, com participação de representantes dos Poderes Executivo e Legislativo e de entidades locais.

O objetivo principal desse encontro, aberto a todos os interessados, foi uma prestação de contas sobre as atividades que estão sendo desenvolvidas, informar sobre o trabalho das próximas etapas e, principalmente, pedir apoio à realização para o grande recenseamento geral que vai traçar o retrato abrangente e fiel do Brasil que entrará na próxima década.

O Censo fornecerá informações fundamentais para o desenvolvimento e implantação de políticas públicas e para a realização de investimentos públicos e privados em todo o país.

O Censo Demográfico 2020 será realizado de 1º de agosto de 2020 a31 de outubrode 2020. Na reunião de preparação realizada nesta quinta-feira, o IBGE solicitou a colaboração da sociedade em geral para a cessão de espaços para a instalação de postos de coleta e para a divulgação dos processos seletivos simplificados para a contratação de agentes censitários e recenseadores nos municípios. Está prevista a contratação de 90 a 95 temporários para atuarem em São João da Boa Vista. O Coordenador de Área do IBGE em São João da Boa Vista é João Rafael Garcia.

Águas da Prata e Poços de Caldas assinam protocolo de Cooperação Mútua


 

Águas da Prata (SP) e Poços de Caldas (MG) agora são cidades irmãs, ou Co-Irmãs.  O conceito tem como objetivo criar relações e mecanismos protocolares, essencialmente em nível econômico e cultural, através dos quais cidades ou vilas de áreas geográficas ou políticas distintas, estabelecem laços de cooperação. 

O convite foi feito à prefeitura de Águas da Prata pelo município mineiro. Além de dividir o marco divisório entre os estados de São Paulo e Minas Gerais, as duas cidades agora são formalmente irmãs em cooperação.

EI MUNICIPAL

De acordo com Lei Municipal,  o Ato de Irmanação,que concede o título de cidade - irmã a Águas da Prata, tem como finalidade a consolidação dos vínculos existentes entre os dois municípios, sobretudo em relação aos interesses comuns à população, uma vez que fazem fronteira e são divididos por apenas uma rua no bairro Vila Brasil de Nossa Senhora Aparecida (Marco Divisório). A matéria estabelece, ainda, a promoção de intercâmbio cultural, social, turístico, econômico e político, através do ato que será assinado pelos Poderes Executivo e Legislativo.

TROCA DE SERVIÇOS

Para o autor do projeto, vereador e presidente da câmara de Poços, Carlos Roberto de Oliveira Costa, o intuito é aproximar politicamente as duas cidades, possibilitando a troca de experiências e projetos para ajudar a população. “Os moradores que vivem na Vila Brasil Nossa Senhora Aparecida, conhecida como Marco Divisório, sofrem com problemas referentes ao transporte público, segurança e outras questões. Há leis federais que já prevêem essa troca de serviços entre cidades de estados diferentes, através desse tipo de convênio. Então, a intenção é justamente essa, uma interação maior, visto que os dois municípios têm muitas coisas em comum, como a questão das águas e do turismo”.

AUTORIDADES

Além do vice-prefeito, José Ricardo Sassaron, que representou a prefeitura de Águas da Prata, estiveram presentes os vereadores pratenses, José Sebastião Chiodeto da Silva - presidente da câmara de vereadores, Ângelo de Oliveira, Fábio Ferraz, Sr. Luiz do 1,99 e Ricardo Peral. O prefeito de Poços de Caldas, Sérgio Antônio Carvalho de Azevedo esteve acompanhado do presidente da câmara de vereadores de Poços, Professor Carlos Roberto de Oliveira Costa.

HONRARIA

“Esse título veio confirmar o que a gente já sente no coração há muito tempo. Somos irmãos dos poços caldenses com muito orgulho. Foi muita honra formalizar essa união de irmandade aquihoje. A população do Marco Divisório, Cascata e Ponto da Cascata vai ser a maior beneficiada e a gente fica muito feliz por isso”, disse o vice-prefeito de Águas da Prata, José Ricardo.

Prefeitura cria Centro Comercial Rodoviário


O terminal Rodoviário de Aguaí passou por uma reestruturação com nova pintura, troca de cadeiras, iluminação e reforma dos banheiros, e assim a Prefeitura de Aguaí por meio Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo criou o Programa Municipal de Organização, Revitalização e Incentivo ao Desenvolvimento do Centro Comercial Rodoviário.

O programa disponibilizou seis salas no Terminal Rodoviário para os aguaianos instalarem seus comércios já existentes ou novas empresas.

A assinatura dos contratos com as empresas sorteadas aconteceu no gabinete do Prefeito Alexandre Araújo, e duas lojas já foram inauguradas no sábado, dia 19. As demais lojas serão instaladas nas próximas semanas. O Centro Comercial Rodoviário contará com uma loja de Sapatos e Acessórios, uma Cafeteria/Lanchonete, um Studio de Tatuagem, uma Esmaltaria, uma loja de Aluguéis de Fantasias e uma de Presentes Personalizados. 

Demissões na Usina de Itaiqua transcorre sem incidente e com presença da PM

 

No início do mês a Usina de Itaiquara, no município de Tapiratiba, anunciou demissões de funcionários. Os trabalhadores que perderam o emprego disseram que a empresa alegou redução da folha de pagamento. Para o sindicato que representa os trabalhadores, as demissões devem afetar a economia da cidade e dos municípios vizinhos, e que a Usina prometeu fazer os acertos em dez dias.

A usina de açúcar e álcool fundada há mais de 100 anos. Os funcionários demitidos são do interior de São Paulo e também de algumas cidades de Minas Gerais, já que a usina fica bem perto da divisa dos estados. Foram demitidos tralhadores da área de produção e do escritório central.

A Usina Itaiquara foi fundada em 1909 e emprega atualmente cerca de 1.700. Recentemente a empresa fechou sua confeitaria em Guaxupé. A empresa tem unidades em Tapiratiba e São José do Rio Pardo.

 

PRESENÇA DA PM

Nesta quinta-feira, dia 17, a Usina Itaiquara solicitou apoio da Polícia Militar, informando que na sede da empresa ocorreria um procedimento de rescisão trabalhista decorrente de demissão em massa. Cerca de 180 trabalhadores estavam no local e uma equipe da Polícia Militar foi destacada para acompanhar os trabalhos da empresa, que transcorreu normalmente, sem qualquer incidente.

Touro Angus Registrado chega em Jaguariúna


No próximo dia25 de outubro, a cidade de Jaguariúna receberá o Circuito Touro Angus Registrado. Promovida pela Associação Brasileira de Angus, a série de palestras é gratuita e visa fornecer informações sobre o uso animais registrados para o melhoramento genético dos rebanhos. O encontro ocorre a partir das 19h00, na Red Eventos.

Durante o encontro, o gerente de Fomento da Angus, Mateus Pivato, irá destacar as vantagens do uso de reprodutores selecionados e as melhores perspectivas de cruzamento em diferentes ecossistemas. “O Angus se adapta muito bem aos diferentes climas do país, mas, para isso, é necessário fazer o manejo correto dos animais”, recomenda Pivato, ressaltando a importância da seleção eficiente de reprodutores para geração de crias que atendam aos objetivos de cada propriedade.

Na mesma linha, a superintendente de Registro Genealógico da Associação Nacional de Criadores Herd Book Collares (ANC), Silvia Freitas, destacará os benefícios de usar touros registrados no rebanho e dará dicas para que os criadores saibam escolher os melhores reprodutores para o desenvolvimento da genética. Silvia também falará sobre o Programa de Melhoramento de Bovinos de Carne (Promebo), programa oficial da raça Aberdeen Angus. “Irei mostrar aos criadores como interpretar os dados da avaliação genética dos animais”, conta.

Sobre a seleção para a produção de carnes de qualidade falará o coordenador regional do Programa Carne Angus Certificada, Maychel Carvalho Borges. Segundo Borges, levar o ciclo de palestras para o Sudeste do país é um grande avanço, visto que na região há muito cruzamento industrial. “O evento vem para enfatizar o uso correto da genética, visando o objetivo de cada propriedade”.

Para o presidente do Núcleo de Criadores de Angus de São Paulo, Renato Ramires Junior, o evento é uma oportunidade para salientar aos criadores que é imprescindível trabalhar com animais com registro. “Só assim é possíveltera segurança do que está sendo comprado”, avalia o presidente.

Raça Angus

A raça Angus está no Brasil desde 1906 e é a preferida dos criadores para cruzamento com zebuínos no Sudeste e no Centro-Oeste do país por conferir precocidade aos animais e maciez à carne. Por isso, lidera o ranking de comercialização de sêmen no Brasil com 4.944.288 doses vendidas em 2018, segundo a Associação Brasileira de Inseminação Artificial (Asbia). O volume representa um crescimento de 28,3% em relação a 2017. Desde 2003, a Angus também atua através do Programa Carne Angus Certificada, considerado o maior programa de carne premium do país.

CDHU abre inscrições via aplicativo de celular para sorteio de 70 casas em Mococa

Foto Ilustrativa

A Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU) abriu inscrições para o sorteio de moradias na cidade de Mococa. O processo será por meio de aplicativo de celular, e começou nesta segunda-feira, dia 14, e vai até às 9 horas do dia21 de outubro. Gratuito, oappestá disponível para Android e Iphone.

A Secretaria de Estado da Habitação, por meio da CDHU, está construindo 70 casas no município. Os interessados em concorrer a um dos imóveis deverão acessar o site da CDHU (cdhu.sp.gov.br) e clicar nas inscrições para o empreendimento Mococa G, em seguida em "Saiba mais". Lá, irão inserir o número de celular e serão redirecionados para instalar o aplicativo. Uma vez instalado, serão incluídos no grupo da CDHU e poderão efetivar a inscrição. Ao concluir o processo, receberão o número da inscrição peloappe também pore-mail.

A inscrição só poderá ser efetuada por celular. O sorteio público definirá os titulares e os suplentes para aquisição das moradias. Do total de casas, 7% serão destinadas a pessoas com deficiência, 5% a idosos e 4% a policiais ou agentes penitenciários. As demais unidades serão sorteadas entre a população em geral inscrita.

Para concorrer aos imóveis, o interessado deve morar ou trabalhar no município há pelo menos cinco anos,terrenda familiar de um a dez salários mínimos, não ser proprietário de imóvel, não possuir financiamento habitacional e nãotersido atendido anteriormente por programas habitacionais. Policiais devem trabalhar na cidade e idosos devem comprovar idade mínima de 60 anos. O edital com os critérios e condições para a inscrição pode ser consultado no sitecdhu.sp.gov.br.

As casasterão dois dormitórios, sala, cozinha, banheiro, distribuídos em 56,67 m2, e são edificadas na Rua XVde Novembro, no Distrito de São Benedito das Areias. O empreendimento é viabilizado pela CDHU em parceria com a prefeitura. O prazo de financiamento dos imóveis será de até 30 anos e as prestações receberão subsídio do Governo do Estado, sendo calculadas de acordo com a renda familiar. Assim, famílias que ganham entre um e três salários mínimos pagarão o equivalente a 15% dos rendimentos.

Cidade das Artes entra na reta final das obras na antiga CEAGESP

 

As obras que estão sendo realizadas na antiga CEAGESP estão em fase final, e dentro de pouco tempo a Prefeitura de São João da Boa Vista vai entregar à população o Parque Urbano Municipal Espaço Jovem Osmar Garcia. Os prédios antigos do local e a tulha, no Bairro do São Benedito, foram reformados e estão dando lugar a um espaço de múltiplo uso e moderno. Visitar a obra é encontrar muitas surpresas boas e ter a dimensão do que tudo ali se modificou para oferecer à população uma série de atividades educacionais e culturais. A obra foi uma iniciativa do Prefeito Vanderlei Borges de Carvalho que em seu primeiro mandato eletivo, criou um grupo de trabalhos para estudar a viabilidade de projetos inovadores, e assim buscar verbas públicas para sua concretização.

Destes estudos, três projetos foram analisados e aprovados pela Secretaria de Justiça e Cidadania do Estado de São Paulo que utiliza dinheiro do FID – Fundo de Interesses Difusos – para obras em todo o Estado com a finalidade de financiar projetos destinados ao ressarcimento, à coletividade, dos danos causados ao meio ambiente, ao consumidor, a bens e direitos de valor artístico, estético, histórico, turístico e paisagístico.  O dinheiro disponível no FID é oriundo do pagamento de condenações em ações civis públicas e de multas aplicadas por descumprimento de termos de ajustamento de conduta em ações judiciais.

Um dos projetos aprovados pelo grupo de trabalho formado pelo Prefeito Vanderlei foi o São João + Verde. O outro a cidade já utiliza e usufrui que é a Estação das Artes Beto Simões. A Estação Ferroviária de São João da Boa Vista foi totalmente reformada mantendo a fachada e o prédio histórico, mas o seu interior foi transformado num Centro Cultural que abriga desde Salas de Música onde jovens, crianças e adultos tem aulas de iniciação em vários instrumentos, um Espaço para Exposições Culturais, até um Anfiteatro para apresentações teatrais, de dança e outras vertentes culturais. Tudo com poltronas para acomodar o público, ar condicionado, e moderno sistema de iluminação.

O terceiro projeto aprovado e que está sendo financiado pelo FID, é a revitalização da antiga CEAGESP.

Importante também é lembrar que todo dinheiro do FID é a fundo perdido, sem custos ao erário municipal.

CINEMA E TEATRO

Uma das novidades desta obra no Parque Urbano Municipal Espaço Jovem Osmar Garcia está sendo instalado na antilha tulha da Geagesp: um teatro e um cinema.

O moderno Teatro Cidade das Artes tem capacidade para 230 espectadores. E além do teatro, a estrutura da obra, engloba um cinema para 70 pessoas.

Dedicado a apresentações de espetáculos, shows musicais, palestras, entre outros eventos, o novo teatro é o espaço na área do conglomerado mais aguardado pela população. De acordo com o projeto arquitetônico, desenvolvido pela engenheira municipal Dulcyneia Paiva de Medeiros Lima, somente a extensão do teatro é de 559,00 m². 

A velha tulha da CEAGESP é agora um prédio, com dois pavimentos. Na parte superior, a estrutura agrega palco, camarins, assentos confortáveis para a plateia, coxia (lugar onde os artistas aguardam a entrada) e sala exclusiva para operação de som e iluminação.  

 Já a parte inferior da edificação está sendo preparada para se tornar uma sala de cinema com capacidade de acomodação para 70 pessoas. Em ambas as repartições, há sanitários que respeitam a normas de acessibilidade.

No antigos galpões, reformados, vão ficar a sede do Departamento de Cultura, a Biblioteca Municipal Jaçanã Altair, uma sala de múltiplo uso para ensaios e atividades, assim como outros repartimentos para exposições.

Estrutura dos galpões 

Todo o complexo de galpões reúne 4.296 m² de área reformada e adaptada. As intervenções incluíram troca de telhados, restauração de portas e janelas, construção de banheiros, depósitos e setor administrativo. 

A ideia da administração é de que o galpão definido como número 1 seja utilizado como sala de múltiplo uso para atividades diárias desenvolvidas pelos Departamentos de Cultura, Educação, Assistência Social, Esportes, entre outros setores da Prefeitura. 

Quanto à sede do Departamento de Cultura, o galpão 2 é local que irá abrigar toda a estrutura administrativa, que, atualmente, está na Estação das Artes João Roberto (Beto) Simões. 

No galpão 3, já se encontra parte do acervo da unidade 1 da Biblioteca Municipal Jaçanã Altair.

“Por que unidade 1? É porque no começo do ano que vem nós vamos entregar as obras do Centro Cultural Pagu, da rua Benedito Araújo. Lá, na parte central da cidade, vai ser a unidade 2 da biblioteca para empréstimo de livros, leitura de jornais e revistas. Todo o acervo de documentos do Arquivo Municipal [Matilde Rezende Salomão] também ficará no Centro Cultural Pagu”, informou o Diretor de Cultura Hélio Fonseca.

Osmar Garcia

O ex-professor, vereador e diretor de Esportes Osmar Garcia é quem dá nome ao Parque Urbano Municipal Espaço Jovem. O homenageado atuou por maisde dezanos na coordenação do Projeto Alpha, voltado à promoção de ações de valorização e inclusão de crianças e jovens na arte e cultura. 

Como diretor de Esportes, foi destaque como chefe do Comitê Organizador dos Jogos Regionais de 1992, realizados em São João da Boa Vista. Osmar Garcia morreu aos 62 anos, em8 de junhode 2012.

10º Encontro de Antigomobilismo Ferrugem na Veia


No fim de semana, dias 12  e13 de outubro, Águas da Prata vai promover o 10º Encontro de Antigomobilismo Ferrugem na Veia. O evento está marcado para a Praça da Bandeira, e os organizadores informaram que esperam mais de 100 modelos na exposição, desde Fuscas ao icônico Cadillac

Donos de carros antigos que quiserem expor seus veículos podem se inscrever no próprio local. A taxa simbólica são dois quilos de alimentos não perecíveis (por carro ) que serão encaminhados à entidades locais.

O evento está marcado para a Praça da Bandeira a partir das 9h00, tanto no sábado como no domingo. Além de praça de alimentação, o evento vai contar com show de música e mercado de Pulgas (feira de artigos usados relacionados com o tema automobilismo).