Cultura

Exposição A Arte de Elifas Andreato na Música Brasileira

          

Autor de uma das mais importantes séries de obras iconográficas das principais referências da música brasileira, o artista plástico Elifas Andreato tem uma intensa produção construída ao longo dos últimos 50 anos, sempre refletindo seu engajamento por mais acesso à cultura e à educação, à construção da cidadania e à mais ampla defesa dos diretos humanos. Um recorte do seu trabalho compõe a exposição A Arte de Elifas Andreato na Música Brasileira, com curadoria de Emanoel Araujo, reunindo retratos de gente como PixinguinhaPaulinho da ViolaMartinho da VilaCartolaGilberto GilClara NunesClementina de JesusTim Maia,Milton NascimentoCrioloJoão Bosco, entre outros. A seleção de obras inclui originais (alguns deles nunca antes expostos) e algumas reproduções, como o cartaz para os 50 anos da Semana de Arte Moderna.

A abertura da exposição na tarça-feira, 20 de agosto, no Museu Afro Brasil, foi marcada por um encontro entre Paulinho da Viola e Martinho da Vila.

Trabalhos fundamentais como Batuque na Cozinha (1972, nanquim em papel, serigrafia, 30cm x 30cm), imagem marcante de um dos momentos mais gloriosos de Martinho da Vila, e Nervos de Aço( 1973, acrílica sobre tela, 40cm X 70cm), inesquecível retrato de Paulinho da Viola, dividem espaço com obras como Espiral de Ilusão (2017, acrílica sobre tela, 1m X 1m) e Canto do Vento( 2019, acrílica sobre tela, 30cm X 30cm) feitos, respectivamente, para Criolo Fabiana Cozza, revelando um Elifas muito atual, inquieto, sempre curioso e aberto a novas experimentações.

Outra obra das mais emblemáticas de Elifas,Clementina(1979, acrílico sobre tela, 60cm X 60cm), produzida há 40 anos, terá seu original exibido pela primeira vez ao público. Entre as reproduções expostas, destaque também para a antológica capa do disco Clementina e Convidados (que contou com a participação deAdoniran Barbosa, Carlinhos Vergueiro, Clara Nunes, João Bosco, Martinho da Vila e Roberto Ribeiro) e o cartaz do lendário show Tendinha (de Martinho da Vila com Samba 7, Rui Quaresma e Neoci, dirigido por Fernando Faro).

 

SERVIÇO

Exposição: A Arte de Elifas Andreato na Música Brasileira

Período: até 5 de outubro de 2019

Museu Afro Brasil

Parque do Ibirapuera, Portão 10

Av. Pedro Álvares Cabral, s/n, São Paulo – SP

Visitação: de terça a domingo, das 10h às 17h

Entrada franca