Cultura

Projeto “Viola: Tradição Caipira” vai dar espaço a artistas

Nesta sexta-feira, 28 de agosto, o Sesc São Carlos apresenta o projeto artístico de cultura popular em suas redes sociais, VIOLA: TRADIÇÃO CAIPIRA, que visa dar espaço aos artistas e produções locais, com nomes que atuam na cidade e na região.

Destaques para a dupla João Carlos e Bruno, Marcelo Sarti (maestro de orquestra de viola caipira) e o luthier Cesar Hubnner (artesão que fabrica e repara violas)

Historicamente o Sesc São Carlos sempre divulgou e apresentou atividades que valorizam a cultura caipira. E agora, mesmo diante da pandemia decorrente do covid-19 e do atual quadro de isolamento social, tem realizado atividades em seus canais online. E a viola é o destaque no próximo dia 28 de agosto, sexta, a partir das 12h, com o projeto VIOLA: TRADIÇÃO CAIPIRA, que tem como objetivo mostrar a viola, sua significação e características no universo das tradições caipiras, principalmente do interior do estado de São Paulo.

Apresentado em três ciclos

A viola será apresentada em seus três ciclos: a história, a construção e a execução. Quem narra a história da viola e sua importância para a cultura caipira é Marcelo Sarti, maestro da Orquestra Torrinhense de Viola Caipira.

Cesar Hubnner, luthier da cidade de Torrinha, o artesão mostra a tradição das diferentes etapas da construção de uma viola.

Finalizando, é a vez da tradicional dupla de São Carlos João Carlos e Bruno, que executa grandes sucessos da música sertaneja de raiz, bem como diferentes variações da arte de tocar e executar a viola.

Para assistir - canais digitais do Sesc São Carlos:

facebook.com/sescscarlos

instagram.com/sescsaocarlos

youtube.com/sescsaocarlos