Dom07152018

Last update03:25:46 PM

 


Back Você está aqui: Home Esporte Sanjoanenses encaram os desafios do Transcatarina 2018

Esporte

Sanjoanenses encaram os desafios do Transcatarina 2018

foto:Duda Bairros/DFOTOS.


Desde ontem, dia 10 de julho, acontece a edição histórica do Transcatarina que comemora dez anos. O evento atraí off-roaders do País inteiro - 165 veículos inscritos, vindos de 96 cidades e 12 Estados. Entre os competidores, a participação dos pilotos de São João da Boa Vista: Fábio Tregancini e João Paulo Milan (ao lado do navegador Pablo Tagliani de Oliveira, de Ribeirão Preto, SP), que participam da categoria Adventure.

Os sanjoanenses aceleram por cerca de 800 quilômetros pelas trilhas de Santa Catarina - entre Fraiburgo e Blumenau, com pernoite em Rio Negrinho. Até 14 de julho os motores vão estar roncando pelos caminhos de Santa Catarina. 

O Transcatarina vive o momento mais importante de sua história, pois completa dez anos de existência. 

O ponto de encontro desta grande caravana off-road é o Hotel Renar, em Fraiburgo. Nesta terça-feira (10), foram realizadas as vistorias técnicas e administrativas; e no início da noite, , no estacionamento do Centro de Eventos de Fraiburgo na rampa oficial da CBA – Confederação Brasileira de Automobilismo –,pilotos e navegadores (a bordo de suas máquinas) foraom apresentados e saudados pelos presentes.

HOJE É A LARGADA 

Às 14h00 desta quarta-feira, dia 11, finalmente ocorrerá a largada promocional, seguida do prólogo, que definirá a ordem de chegada para o primeiro dia de competições para as categorias Máster, Graduado, Turismo e Turismo Light. 

Sucesso também no Transcatarina, as categorias Passeio Radical e Adventureterão trajetos exclusivos e altamente desafiadores. Esses grupos são destinados aos off-roaders que buscam por diversão sem se preocupar com o relógio; eles têm hora para entrar na trilha, mas a hora de sair... Só Deus sabe! Tudo dependerá de como o comboio superará os obstáculos naturais, que são altamente difíceis.

ROTEIRO

Primeiro dia: a prova será toda em Fraiburgo (sem deslocamentos da caravana), avançando para Monte Carlo. A primeira etapa, mais rápida e sem muitas pegadinhas, será um aquecimento para as outras duas etapas do dia. No roteiro, destaque para as plantações de milho e muito reflorestamento. Concentração para não perder o caminho e, muito menos, a média de velocidade exigida. 

Segundo dia: haverá a famosa passagem do Rio dos Patos (o mesmo da primeira edição do Transcatarina). Será um dia inverso ao primeiro, com as duas primeiras etapas bem técnicas e a última com mais velocidade! No caminho estarão as cidades de Lebon Regis, Timbó Grande (pela Serra do Espigão), Papanduva, entre outras. Passagens por áreas de plantações de pinus. 

Terceiro dia: além de decisivo, este será o dia mais técnico. Extramente travado, com diversas pegadinhas na Expoama e o Autódromo do Moto Clube de São Bento. Depois, o roteiro segue para a Fazenda Katzer, na qual a adrenalina subirá a picos elevados com as pegadinhas em torno de uma casa bastante emblemática entre os off-roaders.  Para finalizar, a disputa segue para as localidades de Guaramirim e Corupá, com bananal, palmeiras e uma pista para encerrar a décima edição.