Sab12162017

Last update02:23:11 PM

Back Você está aqui: Home :: Mais +++ Artigos O PERDOAR

Artigos

O PERDOAR

Somos o presente,

 fomos o passado,

 seremos o futuro.

 Construímos no ontem o hoje.

 Haveremos de construir

 no hoje o amanhã.

 Traçaremos nossos destinos

 por nossos méritos.

 Talvez a lei seja uma só,

 são nossas atitudes que nos julgam.

 A misericórdia existe no corrigir o engano.

 O perdão não é ato inútil,

 é possibilidade para o agressor

 retratar-se e não ficar impune.

 Na evolução das almas,

 fomos vítimas e algozes

 uns dos outros, portanto,

 não cabe a ninguém

 atirar a primeira pedra,

 todos somos tão culpados,

 quanto libertos em relatividade.

 Porém, é sensato que

 a culpa não gere imobilidade,

 mas retribuição produtiva e benéfica.

 O bem estará sempre em nós,

 pois o Criador é um só,

 e assim sendo, o mal

 só pode ser passageiro

 no tempo da eternidade,

 onde todos os tempos se congregam.

 O mal será sempre limitado,

 pois será sempre confronto.

 E será vingança

 até libertar-se pelo perdão.

 O sonho de liberdade

 está em cada um,

 a evolução é coletiva no total,

 mas é individual a cada alma.

 Guardamos em nós um pouco

 da água pura que ficou em nós

 da nascente bendita da Criação.

 É saudade, é por vezes melancolia

 dos filhos que dia haverá

 em que serão todos pródigos.

 Realizando, no concluir

 da longa jornada, o regresso

 pelas trilhas da verdadeira justiça,

 para a casa do amoroso Pai.

Gilberto Brandão Marcon

(Economista, Professor, membro da Academia de Letras de

São João da Boa Vista, Cadeira nº 06, Patrono Mario Quintana_