Ter10272020

Last update06:50:14 PM

 

Back Você está aqui: Home :: Mais +++ Artigos CRÔNICA DO DOMINGO

Artigos

CRÔNICA DO DOMINGO

Tem hora que dá uma preguiça, não é verdade? Vontade de ficar deitado no sofá, assistindo televisão e comendo pipoca. Aí, de repente, vem o pensamento de que a vida é muito curta, que há muito a fazer, e aquela injeção hormonal arranca-nos da letargia. Não vou dizer que é assim, vapt e vupt, mas aos poucos vai correndo outro sentimento pelas veias que faz o cérebro rejeitar o ócio.

Ultimamente tenho me dedicado a projetos. Não importa qual. Se é para preparar os vasos para a primavera, vamos preparar os vasos para a primavera. Comprei algumas sementes de flores num sábado pela manhã passeando com a Luciane, fiz a sementeira, cuidei com esmero, replantei, deixo junto à janela, onde pega o sol da manhã, e estão crescendo altaneiras para florir na primavera. Quando as flores vierem, prometo postar fotos no meu Instagran. Mas, como o homem não vive apenas de jardins, decidi fazer um curso na FGV, matriculei-me, paguei à vista para não mudar de ideia e estou me dedicando. O curso é sobre Análise Econômica de Projetos. Usa-se muita matemática financeira, campo em que me dou bem, e, em breve, estarei apto para analisar a viabilidade de qualquer investimento. De que isso vai me adiantar? No meu trabalho posso usar em parte, também preciso olhar para o futuro, além disso, existe a máxima de que aprender não ocupa espaço. E querem mais? Enveredei a escrever uma peça de teatro. Nas primeiras palavras, conhecimento zero sobre o assunto, dediquei-me às pesquisas, aprendi a forma de se escrever, comprei muitos livros sobre o assunto e mãos à obra. Não é que terminei, repassei, reescrevi e a danada está pronta e acabada! O tema é atual e acredito que ficou boa. Mariana Mayor, esposa de meu querido sobrinho Paulinho Tó, especialista no assunto, acompanhou e deu muitas dicas. Agora, faremos a leitura dramática para aparar as últimas arestas.

São as realizações que nos fazem sentir vivos. Elas nos enchem de bem estar e é ótima a sensação de ser capaz, útil para alguma coisa. Agora, como as flores já estão bem cuidadas, o curso em bom caminho e a peça faltando apenas polimento, preciso arrumar outra sarna pra coçar. Alguma ideia?  

É isso, bom domingo!