Dom09262021

Last update05:18:46 PM

Back Você está aqui: Home São João EMPRESA SANJOANENSE CRESCE 300% AO ALAVANCAR RECEITAS DE PEQUENOS E MÉDIOS VAREJISTAS DURANTE A PANDEMIA

São João

EMPRESA SANJOANENSE CRESCE 300% AO ALAVANCAR RECEITAS DE PEQUENOS E MÉDIOS VAREJISTAS DURANTE A PANDEMIA



Aldan Neto e Eduardo Tódero, sócios do Canal BW

 

Ajudar micro, pequenos e médios empresários a venderem mais é a especialidade do Canal BW, principal aceleradora de resultados e performance para o varejo do Brasil. Focada em solucionar de maneira simples problemas antigos do setor de vendas, a empresa registrou um crescimento de 300% no faturamento em 2020, em plena pandemia, por meio do chamado “Programa de Aceleração de Resultados”, desenvolvido especialmente para empresas do setor. Conhecida por atuar como consultora em marketing de performance, integrar ações online e offline, além de realizar o recrutamento e treinamento da equipe comercial, a companhia foi responsável por gerar uma receita adicional de R$ 5 milhões entre seus clientes dos segmentos de beleza, alimentos, academias, moda, utilidades domésticas, entre outros. Com forte presença no Leste Paulista e Sul de Minas Gerais, o Canal BW já atua também em outros estados e busca solidificar sua presença no mercado nacional.

Com um faturamento de R$ 300 mil alcançado em 2020 e projeção de expansão de 50% neste ano, o Canal BW nasceu para ser uma fonte de conhecimento e resultados, ajudando os vendedores a alcançarem a alta performance. No início, oferecia dois tipos de serviços: treinamentos abertos e fechados. Contudo, isso não trazia recorrência e em 2017 passou por uma crise que quase o levou à falência. “Nesse período, porém, comecei a perceber que os vendedores desejavam vender mais, ganhar mais e as empresas não estavam investindo na captação de clientes”, complementa Aldan Neto.

O executivo conta que a virada do negócio ocorreu a partir da criação do Programa de Aceleração de Resultados. O objetivo era trabalhar o marketing digital para atrair novos clientes e treinar a equipe para que isso se transformasse em vendas. “Na implementação, decidi não cobrar nenhum valor fixo do primeiro cliente, apenas comissão calculada sobre o crescimento da empresa”, diz o empreendedor.

O cliente em questão era a Linda Bijoux, loja de bijuterias em Vargem Grande do Sul, que após passar pelo programa de aceleração, abriu uma segunda unidade em São João da Boa Vista e aumentou seu faturamento em 400% nos últimos dois anos. O trabalho começou em setembro de 2017 e a primeira comissão veio em janeiro de 2018. A partir dali o programa começou a ser validado e amadurecido. “Atualmente é o nosso carro chefe e já foi responsável pelo crescimento de muitas empresas”, revela o CEO do Canal BW.

A aceleração da demanda pelos serviços no último ano propiciou ainda a chegada de um novo sócio para o negócio: Eduardo Tódero, especialista em vendas e gestão comercial que já havia utilizado e conhecia de perto as soluções oferecidas pela empresa.

Vendas e resultados

Na parte online, o programa faz toda a inserção, gestão e monitoramento das redes sociais, gestão de tráfego, estratégia de vendas, ações de remarketing e pixel, lançamento de produtos e infoprodutos. Já no ambiente offline, realiza ações in loco para aceleração das vendas, script de vendas, processo seletivo e treinamento de vendedores e gestores, bem como preparação para participação em eventos e inaugurações.

Tódero diz que atualmente a oferta da solução ideal para cada empresa envolve primeiramente o aprofundamento sobre a sua realidade. “Precisamos entender o público-alvo, produtos e objetivos da companhia. Em cima disso, construímos a estratégia de ações”, elucida. Foi assim que, em meio à pandemia, o Canal BW auxiliou a Xica Moda Mineira, de Andradas (MG), a dobrar as vendas do e-commerce e recuperar o faturamento do atacado em 2020. O mesmo aconteceu com a marca de jalecos personalizados Rose & Blue, que, entre 2019 e 2020, apresentou um crescimento de 800%.

Outros dois produtos constam no portfólio do Canal BW: os programas de treinamento 100% customizáveis, elaborados de acordo com a necessidade de cada cliente e a terceirização comercial para empresas que não conseguem manter um colaborador que mantenha a operação comercial.


“Sabemos que aquela história de ‘saiu do mil e foi ao milhão’ não é simples, e viemos para mostrar a realidade. Nascemos para ser uma fonte de conhecimento e resultados e o objetivo é que, a médio prazo, os nossos clientes possam caminhar sozinhos”, finaliza Aldan Neto.

Sobre o Canal BW
Fundado em 2014 para ajudar pequenos e médios negócios a crescerem de maneira
sustentável, o Canal BW oferece soluções digitais completas para seus parceiros, unindo tráfego, estratégia e treinamento. Mais informações em
http://canalbw.com.br.