Ter08162022

Last update04:49:39 PM

Back Você está aqui: Home São João IPEM-SP REALIZARÁ VERIFICAÇÃO ANUAL DE TAXÍMETRO COM MUDANÇA DE TARIFA NESTE MÊS DE AGOSTO

São João

IPEM-SP REALIZARÁ VERIFICAÇÃO ANUAL DE TAXÍMETRO COM MUDANÇA DE TARIFA NESTE MÊS DE AGOSTO

(Foto Reprodução/Internet)

  

Os taxistas de São João da Boa Vista deverão passar pela verificação periódica anual de taxímetro com mudança de tarifa, no período de 9 a 11 de agosto., sempre das 9 às 12h00 e das 14 às 16h00 em todos os dias. A ação, realizada pelo Ipem-SP (Instituto de Pesos e Medidas do Estado de São Paulo), autarquia do Governo do Estado, vinculada à Secretaria da Justiça e Cidadania, e órgão delegado do Inmetro, ocorrerá à avenida Professora Isette Corrêa Fontão, altura do número 1.443, Jardim das Flores. 

A ação também visa verificar a mudança de tarifa nos veículos, determinada pela prefeitura do município, para garantir que o consumidor não pague mais caro pela corrida. Os taxistas autuados por trafegar com o taxímetro irregular têm dez dias para apresentar defesa ao órgão.  

 Todos os serviços referentes a taxímetro na Capital e nas regionais do instituto no estado de São Paulo devem ser agendados no site do Ipem-SP, ​tanto para "Verificação" como para "Outros Serviços". Por exemplo, troca de titularidade, furto, roubo, baixa de taxímetro e atraso de verificação. 

 O taxista está sujeito à penalidade em caso de atraso ou não comparecimento à verificação anual de taxímetro.  

 Para realizar a verificação os taxistas, além do agendamento do dia e horário de atendimento, devem emitir a GRU (Guia de Recolhimento da União) para o pagamento da taxa de verificação. Sem a quitação da taxa e o agendamento online, a verificação não será realizada.  

 O objetivo da verificação periódica dos taxímetros é certificar se o preço registrado pelo equipamento corresponde, com base na distância e no tempo gasto, ao trajeto percorrido pelo veículo. A verificação abrange também a análise das condições gerais dos veículos, como a rolagem e rodagem dos pneus e do taxímetro (tarifa, lacres, entre outros). 

 A ação será realizada pela equipe de fiscalização da regional do instituto em São Carlos. 

FIQUE DE OLHO  

Para identificar se o taxímetro foi verificado pelo Ipem-SP, o consumidor deve observar a existência do lacre amarelo, que impede o acesso à regulagem do aparelho, e do selo do Inmetro. Caso o lacre esteja rompido, o consumidor não deve aceitar a corrida, pois o aparelho pode apresentar medição incorreta.   

O valor da bandeira é estabelecido pela prefeitura de cada município, mas é importante estar atento ao horário em que as bandeiras ‘um’ e ‘dois’ podem ser utilizadas, para não pagar mais caro pela corrida. 

Importante também é o passageiro verificar o taxímetro ao iniciar a corrida, pois ele só deve ser acionado na frente do cliente, ao iniciar a corrida.