Dom03292020

Last update04:44:26 PM

 


Back Você está aqui: Home São João

São João

Começa a funcionar a Sala do Empreendedor em São João

Na manhã desta segunda-feira, 9 de setembro, o Prefeito Vanderlei Borges de Carvalho esteve no prédio do CIESP (Centro das Indústrias do Estado de São Paulo) para acompanhar o início das atividades da Sala do Empreendedor de São João da Boa Vista.

Após o discurso na mesa de autoridades, o prefeito visitou a estrutura da Sala do Empreendedor. O atendimento acontece das 9 às 17h00, de segundaasexta -feira, num espaço em anexo à Assessoria de Desenvolvimento Econômico, na Avenida Dr. Oscar Pirajá Martins, 870, bairro Santo André.

A meta da Prefeitura é incentivar, por meio do módulo estadual de licenciamento Via Rápida Empresa, a abertura de mais empresas na cidade e gerar novos empregos.

A estrutura da Sala do Empreendedor reúne uma equipe multidisciplinar para informar os interessados sobre abertura de empresas no sistema de MEI (Microempreendedor Individual) ou grande empresa, bem como a renovação de alvarás de funcionamento e liberação de licença pela Vigilância.

Além do Prefeito Vanderlei, o evento reuniu o presidente da Câmara Municipal, vereador Luís Carlos Domiciano (Bira); vereador Claudinho Ferreira; Amélia Queiroz, assessora de Desenvolvimento Econômico; Antonio Baesso Jr, representante do Conselho Regional de Contabilidade (CRC); Raphael Medeiros, gerente administrativo da Associação Comercial e Empresarial (ACE); e Marcos Kremer, gerente regional do Sebrae. 

Alunos escolhidos para representar São João na 6ª Olimpíada de Língua Portuguesa

Na foto, a comissão que avaliou os trabalhos

Os textos produzidos por alunos de escolas públicas de São João da Boa Vista para a disputa da 6ª edição da Olimpíada Estadual de Língua Portuguesa foram selecionados por uma comissão julgadora, formada por membros da Academia de Letras de São João e Departamento de Educação. Os três  trabalhos escolhidos foram nas categorias poema, memórias literárias e crônica. 

Na categoria poema, o texto intitulado “Bairro Alegre”, produzido pelo aluno João Pedro Ultado, da Escola Municipal de Ensino Básico (EMEB) José Inácio Diniz, foi o escolhido. A professora Norma Sueli Montejane contribuiu com o desenvolvimento do trabalho. 

“Memórias Literárias: A Vida de uma Pessoa Especial”, elaborado por Beatriz de Oliveira Pires, aluna da Escola Estadual Isaura Teixeira de Vasconcellos, convenceu os jurados na categoria memórias literárias. O professor Anderson Miguel Moreno ajudou na orientação do material. 

A comissão julgadora ainda escolheu o texto “O Lugar Onde eu Vivo”, escrito por Elidhianne Gabryelle Mauch, na categoria crônica. A estudante da Escola Estadual José Nogueira de Barros contou com o apoio da professora Fabiana Modena Moreira.

Olimpíada

A Olimpíada de Língua Portuguesa, que este ano acontece de26 de setembroa11 de outubro, realiza ações de formação para professores e o concurso de produção de textos para alunos de escolas públicas do país para valorizar a interação de crianças e jovens.

A iniciativa é do Ministério da Educação e Itaú Social, com a coordenação técnica doCentro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (CENPEC). 

Etapa Municipal

Entre os mesesde fevereiroe abril deste ano, o Departamento de Educação aderiu ao concurso e indicou a assistente pedagógica Elisabeth Massuia Cruz para ser a representante municipal.

A partir da indicação, professores dos 5º anos de escolas municipais e estaduais de São João realizaram, no período de 12 a19 de agosto, oficinas referentes ao concurso. Em seguida, cada unidade escolar participante organizou sua comissão julgadora para selecionar e enviar as produções à etapa municipal.

A seleção aconteceu na sede do Departamento de Educação. Na oportunidade, membros da comissão julgadora tiveram acesso aos textos, porém, sem qualquer tipo de indicação de autoria ou unidade escolar.

A Comissão Julgadora foi formada por: Andreza de Fatima Francisco Zacareli e Elenice Nogueira Gonçalves (supervisoras de ensino); Janaina Diniz Vieira Costa (coordenadora pedagógica); Beatriz Virgínia Camarinha Castilho Pinto, Clineida Andrade Junqueira Jacomini, João Batista Gregório, Lauro Augusto Bittencourt Borges, Maria José Gargantini Moreira da Silva, Silvia Tereza Ferrante Marcos de Lima (Acadêmicos).

Empresários locais prestigiam lançamento do BNI em São João


Reunião inaugural do grupo BNI Tríade reuniu 30 membros e foi prestigiada por 200 líderes empresariais do município

Maior organização do planeta em referência de negócios, o Business Network Internacional (BNI), promoveu sua primeira reunião na cidade de São João da Boa Vista nesta quarta-feira (4). Denominado BNI Tríade, o grupo se reuniu no Espaço 3 Ideias, no Jardim Santo André e, pela primeira vez, apresentou à comunidade seus 30 empresários membros para um público de outras 200 lideranças empresariais da cidade.

Entre os ramos de negócio que já ocupam acentos no BNI Tríade estão advogados, consultores de investimentos, empreiteiros de obras, construtoras, marmorarias, escritório contábil, entre outros.

O grupo será dirigido pelo diretor consultor Marcelo Palma eterá a presidência, por seis meses, do advogado Rubens Capistrano. O BNI chega a São João da Boa Vista graças a Capistrano que, em 2017, visitou dois diferentes grupos da organização na capital paulista.

“Conversei com a Camila Nasser e falei da ideia de levar o BNI para São João da Boa Vista. Começamos a nos reunir em janeiro deste ano e os encontros passaram a ser quinzenais a partir de março. Nos últimos dois meses as reuniões passaram a ser semanais com vistas, finalmente, à criação do BNI Tríade”, relembra o advogado.

Feito o lançamento oficial, o BNI Tríade passará a se reunir todas as quartas-feiras a partir das 6h30min no Hotel Mansão dos Nobres (Rua João Paulo II, 55 – Vila Estrela).

Diretora doBNI Regional Rota das Bandeiras, Camila Nasser, destacou que a união é uma das marcas registradas da organização -

“Fazemos uma gestão colaborativa, não de cobrança. Quando um membro fica para trás, todos nós ficamos”.

O BNI tem uma de suas principais ferramentas o networking profissional, ou seja, a indicação de produtos e serviços entre seus membros, não havendo concorrência entre eles.

“Cada integrante do BNI é um vendedor em potencial dos seus produtos e serviços. Mas principalmente é um vendedor da qualidade e da excelência dos demais empresários membros”, destaca.

No âmbito do BNI o “quem indica” ganha o status de “referência”, o grande patrimônio de uma empresa participante de um grupo no Business Network Internacional. É através delas que uma empresa se credencia para ser indicada pelos membros como uma organização séria e cumpridora dos serviços que se propõe a entregar, entre outros atributos.

Como funciona?

Além deteracesso a cursos periódicos de aprimoramento no mundo corporativo, um grupo do BNI faz uma reunião semanal na qual cada empresário apresenta seu produto ou serviço e permite que os demais integrantes possam se tornar potenciais vendedores da empresa afiliada.  

Para ingressar no BNI, um empresário contribui com uma anuidade, mas antes de tudo ele precisa conferir junto à mesa diretora se ele pode ou não ocupar um assento no grupo. “O BNI não admite concorrência nem pagamento em comissão por negócio fechado”, frisa a diretora do BNI Regional Rota das Bandeiras.

 Trocando em miúdos: se a cadeira de advogado tributarista está ocupada em determinado grupo, outro advogado só pode reivindicar um assento relacionada ao ramo do Direito, que não a de tributarista.

Programa Bem Viver para Tod@s promove 2ª Volta UNESP

O Programa Bem Viver para Tod@s promove no dia 8 de setembro a 2ª Volta UNESP em São João da Boa Vista, com corrida e caminhada.  As atividades são abertas tanto para estudantes e servidores da UNESP, quanto para a comunidade externa.

O Programa Bem Viver para tod@s é uma parceira entre Unesp e o Banco Santander para oferecer à comunidade unespiana a construção do bem viver por meio de ações no ambiente de trabalho e de formação, promovendo a saúde, a integração social, os relacionamentos interpessoais e o desenvolvimento das capacidades humanas.

A corrida terá um percurso de 5 quilômetros e a caminhada será de 2,5 km. A largada ocorrerá as 8h30 no Câmpus da UNESP de São João da Boa Vista, no Jardim das Flores. As inscrições podem ser realizadas em https://www.corridaderuasuperacao.com.br/evento/2a-VOLTA-UNESP-SJBV/549 e tem valor de R$ 30,00. Para os alunos e funcionários da Unesp a inscrição é gratuita - https://forms.gle/tCEteF9F9o5gYouJ9

A premiação será com troféus para a classificação geral e para as faixas etárias.

Neste ano a 2ª Volta UNESP em São João da Boa Vista, também com o intuito de desenvolver a consciência social, tem outras duas ações:  apoio à Camid com a doação de 1 litro de leite UHT para os que desejarem; e  promover  a consciência ambiental com uma ação sustentável através da coleta de lixo eletrônico no câmpus.

Programa de Recuperação Fiscal – REFIS 2019 - só pagamento a vista

O Prefeito Vanderlei Borges de Carvalho enviou para a Câmara Municipal um projeto de lei, que foi aprovado pelos vereadores nesta semana, que institui o Programa de Recuperação Fiscal – REFIS 2019 – destinado a promover a liquidação de dívida ativa municipal

No REFIS 2019 estão incluídos todos os débitos tributários e não tributários já constituídos e inscritos na dívida ativa até 31 de dezembro de 2018, em fase de cobrança administrativa ou judicial.

Os contribuintes podem pedir até a inclusão de débitos que já tenham sido parcelados anteriormente, mas que não foram quitados integralmente e assim cancelados por falta de pagamento.

Podem ser incluídos no Refis os débitos que já foram ajuizados, mas o contribuinte deverá desistir, expressamente e de forma irrevogável, da ação judicial proposta e renunciar a quaisquer alegações de direito sobre as quais se funda a demanda, relativamente à matéria cujo débito queira pagar.

A adesão ao Programa deve ser realizada até o dia 30 de novembro de 2019.

PAGAMENTO À VISTA

Os contribuintes que optarem por aderir ao programa instituído por esta lei deverão fazer o pagamento à vista do débito que pretendem quitar, com desconto de 100% da multa de mora e dos juros. Mas não haverá exclusão ou redução do índice de correção monetária já fixado em lei.

A lei não dá opções de pagamento dos débitos parcelados, uma vez que esta operação é realizada normalmente pela Prefeitura Municipal, regida por lei vigente.

Para aderir ao REFIS 2019, os contribuintes devem procurar o Setor de Tributação – quando se tratar de débitos na esfera administrativa; ou o Departamento Jurídico – quando se tratar de débito na esfera judicial.

O Setor de Tributação fica localizado no andar térreo do prédio municipal localizado na Rua Antonina Junqueira; e Departamento Jurídico na Rua Teófilo Ribeiro de Andrade.

 

Projeto de incentivo à leitura entrega pequenas bibliotecas em São João

Além dos livros, projeto Baú de Histórias doa brinquedos e fantoches que serão utilizados em oficinas

Duas instituições de São João da Boa Vista, a APAE e a CAACCH, recebem, nesta sexta-feira, 30 de agosto, o projeto Baú de História, que oferece estruturas móveis com livros, brinquedos e fantoches para crianças. A iniciativa é realizada pelo Ministério da Cidadania, por meio da Lei de Incentivo à Cultura, com patrocínio da Renovias e produção da Incentivar.

Por meio da distribuição gratuita de pequenas bibliotecas móveis, o projeto Baú de Histórias tem como objetivo difundir a leitura entre frequentadores de entidades e instituições públicas. O projeto, que chega agora na cidade, já passou por outros municípios da região, como Mococa, Casa Branca, Mogi Mirim e Mogi Guaçu.  A iniciativa traz em seu acervo livros, fantoches, materiais pedagógicos diversos e jogos educativos como recursos perenes para as instituições. Nos próximos meses, os materiais doados irão ser utilizados em oficinas de contação de história.

Este é mais um projeto que a Renovias apoia para a cultura e aprendizado. No total, serão entregues 16 bibliotecas para entidades das cidades abrangidas pela malha viária da concessionária.

Serviço: Projeto Baú de Histórias

CAACCH:  30/08 - 10h00 Rua Marechal Deodoro, 244. Centro. São João da Boa Vista-SP.

APAE: 30/08 – 14h Av. Dr. Luís Gambeta Sarmento, 921 - S Antônio, São João da Boa Vista

Conferência Municipal de Assistência Social nestaterça-feira

A 10ª Conferência Municipal de Assistência Social acontece naterça-feira, 27 de agosto, das 8 às 17h00, no Teatro da Estação das Artes João Roberto (Beto) Simões. Nesta edição, o tema proposto envolve a “Assistência Social é um Direito: Evolução e Desafios do SUAS”.

Organizada pelo Departamento Municipal de Assistência Social, a conferência tem como público-alvo representantes da administração pública, ongs, associações iniciativa privada.

O cronograma de atividades ainda reserva credenciamento dos participantes às 8h, composição da mesa de autoridades, abertura oficial (com discursos e execução do hino nacional), leitura e aprovação do regimento interno.

A palestra magna sobre o tema da conferência será ministrada pela professora Raquel Serranoni da Costa. Natural de São Paulo, ela é mestre pela PUC/SP, com especialização na área de concentração de Assistência Social e Seguridade Social. 

Após a palestra, está prevista a formação de grupos de trabalho para discussões e apresentações das propostas. No período da tarde, os participantes acompanham a eleição e proclamação dos delegados que irão à Conferência Estadual.

Reunião da Saúde trata da prevenção ao sarampo

Rede municipal disponibiliza vacinas de rotina em todas as Unidades de Saúde

Uma reunião entre profissionais de todos os serviços de saúde da Prefeitura de São João da Boa Vista, incluindo representantes dos hospitais Santa Casa Misericórdia Dona Carolina Malheiros e Unimed, foi realizada na tarde de quarta-feira, 21, para definir estratégias de proteção contra o sarampo no município.

Responsável pelo Setor de Vigilância Epidemiológica, Ludimila Barros Zan coordenou a reunião e orientou os profissionais para que o atendimento à população seja realizado de forma padrão.

“A gente quer preparar todos para reconhecer caso suspeito. Sabendo identificar é um grande caminho porque a gente não vai deixar passar nenhum caso. Suspeitou, a gente dá todo o apoio. Então, objetivo é conseguir deixar todo mundo atento. E também saber qual o próximo passo depois da suspeição”, explicou.

Diante do caso confirmado na cidade, de uma pessoa de São Paulo, a chefe de Vigilância Epidemiológica reforça que o paciente veio doente da capital e apresentou os sintomas clássicos em São João.   

“São Paulo, Campinas, a nossa população circula muito nessas cidades. Teve um final de semana comemorativo do dia dos pais, e coincidiu que a pessoa veio de lá para visitar a família e acabou desenvolvendo os sintomas aqui”, diz Ludimila. Com o diagnostico confirmado, houve a notificação, coleta de exames e bloqueio para evitar casos secundários na cidade até que a pessoa retornasse à capital paulista.

VACINA

Na rede municipal, a Prefeitura Municipal disponibiliza vacinas de rotina. O público-alvo são crianças (1 ano e três meses), pessoas em geral de 1 a 29 anos – importante é a apresentação da carteira com o registro de duas doses.

Para a faixa etária de 30 a 59 anos, a recomendação é de que seja aplicada uma dose somente. De acordo com o Departamento de Saúde, é preciso que a população atualize a carteira de vacinação.

“A gente chama isso de intensificação. Não é uma campanha e a gente não está fazendo a dose extra”, destaca.

O Departamento de Saúde está investigando a situação de duas crianças. A coleta dos exames foi realizada e encaminhada ao Instituto Adolfo Lutz, em Campinas.

Ludimila afirma que a pessoa que contraiu o sarampo no passado não corre o risco detera doença novamente por causa da imunidade natural do organismo.

“Mesmo quem acha que já teve a doença procurar a unidade de saúde para saber se precisa da vacina de rotina. É uma doença que começa e termina sozinha, mas ela podetercomplicações graves, principalmente, nas crianças e idosos.” Entre estas complicações estão: pneumonia, infecção de ouvido, meningite.

Proprietário da Art’Ervas recebe Medalha “Mérito Ciências Farmacêuticas”

Na foto: Leonardo Tavares, Glacia e Marcos Machado, Ana Cláudia e Antonio Geraldo Santos, Paulo Brando

Dr. Antonio Geraldo Ribeiro dos Santos Junior, farmacêutico proprietário da Art’Ervas e vice-presidente do Conselho Regional de Farmácia do Estado de São Paulo, recebeu a Medalha “Mérito Ciências Farmacêuticas”,em cerimônia realizada na Assembleia Legislativa de São Paulo – Auditório Franco Montoro, Palácio 9 de Julho.

A cerimônia de outorga da Medalha também marcou a comemoração do 82º aniversário da ACFB/ANF - Academia de Ciências Farmacêuticas do Brasil/ Academia Nacional de Farmácia.

Dr. Antonio Geraldo teve seu nome indicado e aprovado pela diretoria da ACFB/ANF para receber esta honraria, que tem por finalidade reconhecer publicamente a contribuição e excelência do saber em Ciências Farmacêuticas, sendo concedida a personalidades de destaque, tanto as que atuam em entidades associativas, como professores e diretores de instituições de ensino, ou ainda autoridades, sempre visando o reconhecimento público às suas relevantes contribuições.

Homenageado em 2019, Antonio Geraldo é farmacêutico industrial graduado pela Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (da Universidade de São Paulo), especialista em Manipulação Magistral e em Cosmetologia.

Sua experiência profissional inclui a função de palestrante em vários congressos nacionais e internacionais voltados à área farmacêutica, além de consultor e palestrante para o setor magistral.

Atuou como Vice-Presidente da Anfarmag (Gestão 2012-2015), como Secretário Geral CRF-SP (2016-2017) e Vice-Presidente do CRF-SP (2018-2019).

Há 30 anos é proprietário da farmácia Art’Ervas, em São João da Boa Vista, estabelecimento que se consolidou como referência no atendimento personalizado aos seus clientes e comprometimento com a saúde e bem estar dos mesmos. 

MEDALHA

A Medalha “Mérito Ciências Farmacêuticas” foi criada em substituição à comenda Jubileu 75 anos, instituída em 2012 e outorgada no período de 2012-2017.  Contém, em sua parte central, a taça símbolo da Farmácia, circundada pela inscrição “Academia de Ciências Farmacêuticas do Brasil” e “Academia Nacional de Farmácia” e a inscrição “Fundada em 13 de agosto de 1937” estampada em metal banhado em ouro.