Seg05172021

Last update02:24:02 PM

 

Back Você está aqui: Home São João

São João

DIA DE CAMPO DA UNIFEOB INTEGRARÁ EMPRESAS DA REGIÃO E UNIVERSITÁRIOS


 

O curso de Engenharia Agronômica está organizando o Dia de Campo, um evento programado para julho de 2021. Ele será realizado de acordo com todos os protocolos de segurança vigentes e seu principal objetivo é integrar empresas, universitários, docentes, profissionais do agronegócio e toda a comunidade interessada em conhecer novidades sobre o assunto.

Diversos estandes serão montados na Fazenda-Escola para cada empresa apresentar seus produtos, tecnologias e estratégias de cultivo. Organizado pela Unifeob, Cooperbatata e Associação dos Bataticultores de Vargem Grande do Sul (ABVGS), o evento tem, até o momento, a participação e colaboração de Yara Brasil, Iharabras, UPL Brasil, FMC Agrícola, Compass Minerals, Syngenta, John Deere Terra Verde e Bauer do Brasil.

“O Dia de Campo será feito com os produtores da nossa região e com nossos estudantes, que poderão visualizar na prática o que aprendem em sala de aula, desde trato de solo, plantio, tratos culturais e colheita, tudo que envolve a produção de batata”, relata o coordenador de Engenharia Agronômica, José Rodolfo Brandi. “Buscamos cada vez mais parcerias com empresas, que precisam de mão de obra especializada, para aproximá-las dos futuros engenheiros agrônomos da Unifeob, que passam a ter contato com elas desde o começo do curso”.

 

Plantio

O primeiro passo foi preparar a terra e plantar, na manhã de terça-feira (11), cerca de dois hectares de batatas em um campo experimental da Fazenda-Escola da Unifeob. A ação contou com a presença de estudantes do Grupo de Estudos em Sistemas de Produção (Gesp) e do Grupo de Estudos em Cafeicultura (Gecaf).

 

Tecnologia

Para o engenheiro agrônomo Fábio de Oliveira, da Cooperbatata, a iniciativa é de fundamental importância para a região. “A gente está estimulando nossa cultura principal, que é a batata, e dando a oportunidade de os estudantes da Unifeob verem como é o dia a dia dessa cultura”, explica Fábio. “É um projeto de grandes parcerias e só tem a agregar, tanto para a bataticultura quanto para os acadêmicos em geral”.

O processo de plantação é quase totalmente mecanizado. “A gente trabalha com máquinas de alta tecnologia, guiadas por GPS, com muita precisão no plantio”, conta Fábio. “Procuramos trazer o máximo possível de produtos novos para fazer o melhor, um campo de alta qualidade, tecnologia e muito ganho para os estudantes”.

 

Caridade

Além de todo o aprendizado dos processos, a disseminação do conhecimento no dia do evento, a integração de diferentes setores e a possibilidade de expansão de networking, o Dia de Campo também contribuirá diretamente com a sociedade. “Atendendo a um pedido da ABVGS, toda a produção desse campo experimental de batata será revertida como doação para instituições assistenciais por meio da Associação Setembro de Vargem Grande do Sul”, finaliza José Rodolfo.

EM TEMPOS DE ISOLAMENTO SOCIAL, HOBBY DO FERREOMODELISMO ATRAI SANJOANENSE

 (Foto Marco Tulio Portugal)

Atividade é excelente opção para entreter a mente e desestressar em momento tão delicado pelo qual todos estão passando

 

Em época de isolamento social, muitas pessoas têm aderido a algum hobby ou a alguma atividade prazerosa para manter a mente ocupada e se esquecer, por alguns momentos, das tristes notícias que assolam o mundo. Um destes hobby tem sido o ferreomodelismo. O trem elétrico é uma excelente opção para quem está procurando algo para entreter a mente e passar o tempo. É um hobby saudável, desestressa e ajuda neste momento tão delicado pelo qual todos estão passando.

De norte a sul do Brasil, muitas pessoas têm se interessado pelos trens elétricos em miniatura, seja por pura diversão, hobby ou mesmo para preservar a memória ferroviária do país.

O sanjoanense Paulo Pereira Soutto Mayor começou a ter contato com o hobby nas décadas de 70 e 80, quando teve uma maquete ainda em Santos, onde morava. “Com a mudança para cá, meu pai se desfez dela. Ela não era muito elaborada, mas possuía prédios, casas, árvores e outras figuras em miniatura. Ao mesmo tempo já colecionava figuras histórico-militares, mas no tempo de universidade e logo nos primeiros anos depois de formado como professor deixei de lado a coleção. No entanto, encontrei em São Paulo uma loja que vendia miniaturas e acessórios para cenários. Isso ocorreu no ano do nascimento de minha filha, 1989. Além disso, também importava alguns materiais. Assim, passei a construir pequenos dioramas e dava de presente a amigos a maior parte deles. Sempre utilizei acessórios de ferreomodelismo para construir meus dioramas e, quem sabe, quando tiver mais espaço, consiga me dedicar ao hobby com os trens em miniatura, construindo um grande diorama com minhas figuras históricas e os trens”, afirma Soutto Mayor.

FERREOMODELISMO/HOBBY

O ferreomodelismo é um dos hobbies mais antigos do mundo, e sua origem remonta ao período em que o transporte ferroviário foi adotado massivamente. As primeiras miniaturas de trens foram fabricadas por volta de 1830, por artesãos alemães. De lá para cá, muita coisa mudou, principalmente no Brasil, onde o transporte de passageiros pelas ferrovias deixou de acontecer, com exceção dos passeios turísticos. Mesmo assim, a paixão de algumas pessoas por este hobby se intensificou.

De norte a sul do Brasil, muitas pessoas têm se interessado pelos trens elétricos em miniatura, seja por pura diversão, hobby ou mesmo para preservar a memória ferroviária do país.

“O ferreomodelismo é uma mistura de entretenimento, baseado em modelos de escala, e arte, pois os amantes deste hobby ficam fascinados quando começam a construir suas maquetes, fazer toda a parte de decoração e cenário e projetar as construções. É preciso ter capacidade de observação para se construir uma maquete, pois todo esse trabalho de reprodução do mundo real é totalmente artesanal”, diz Lucas Frateschi, diretor da Frateschi Trens Elétricos, empresa com sede em Ribeirão Preto, no interior paulista, que possui mais de 50 anos de atuação no mercado e é a única fabricante de trens elétricos em miniaturas e réplicas de composições reais na América Latina.

“Em tempos como estes, em que as famílias têm ficado em casa, é preciso arrumar algum hobby para distrair a mente. As pessoas pensam que o transporte ferroviário morreu, mas ele está vivo e em expansão. A ferrovia é de valor estratégico imprescindível para um país como o Brasil, e este crescimento ajuda a fomentar ainda a mais a paixão que muitos brasileiros têm pelos trens, sendo que muitos passam o hobby do ferreomodelismo para as futuras gerações”, finaliza Lucas.

Sobre a Frateschi

Fundada em 1967, a Indústrias Reunidas Frateschi é a única fabricante da América Latina de trens elétricos em miniaturas e réplicas de composições reais. Situada em Ribeirão Preto, no interior paulista, tem a missão de divulgar e preservar a memória ferroviária do Brasil, por meio da prática do ferreomodelismo. Há mais de 50 anos neste mercado, a empresa tem a convicção de que importantes relações humanas, como a interação entre pai e filho, avô e neto e amigos, são fortalecidas em momentos descontraídos durante a prática deste hobby. 

SEBRAE oferece programa gratuito de promoção ao empreendedorismo feminino


 Com o objetivo de promover o empreendedorismo feminino em São João da Boa Vista, o Sebrae-SP oferece o programa gratuito Sebrae Delas, que tem como foco o despertar para o autoconhecimento, o aumento da rede de contatos e da competitividade dos negócios liderados por mulheres, além de acesso a mercado e a crédito orientado. As aulas acontecem entre os dias 26 e 29 de abril e 03 e 05 de maio, das 19h às 21h. Interessadas podem se inscrever pelo link https://bit.ly/Sebraedelas2604. Mais informações pelo WhatsApp (19) 3638-1123. As vagas são limitadas.

O programa é composto por quatro pilares: inspiração, capacitação, impacto e mentoria. Em cada uma dessas fases, as empreendedoras participantes têm acesso a orientações voltadas para inteligência emocional e gestão de negócios, além do desenvolvimento de redes de contatos e atitudes empreendedoras – tudo em uma linguagem adaptada para a necessidade e o dia a dia dessas mulheres. Ao todo, são 13h de capacitação online e 2h de mentoria (agendada).

A turma já está com inscrições abertas. O curso se inicia com a palestra “Descubra-se!” e passa nos outros dias por temas como empreendedorismo, ideia e modelagem de negócios, marketing, finanças, formalização e finaliza com uma palestra com orientações para a saúde do negócio.

“O Movimento Sebrae Delas tem o propósito de apoiar e fortalecer as mulheres empreendedoras em um ambiente acolhedor, utilizando o conhecimento como ferramenta de transformação para a independência financeira e decisões sobre seus negócios e escolhas. O nosso diferencial é o olhar atento a essa cliente, auxiliando-a na descoberta de todo o seu potencial empreendedor e na força da sua empresa“, explica a analista de negócios do Sebrae-SP, Marcela Dotta.

SERVIÇO

Movimento Sebrae Delas – Elas Realizam

Link: Enviado por e-mail e por WhatsApp aos participantes inscritos

Data: de 26 a 29 de abril e 03 a 05 de maio

Horário: das 19h às 21h

Inscrições gratuitas: https://bit.ly/Sebraedelas2604

Mais informações: WhatsApp Business: (19) 3638-1123

UNIFAE NA FINAL DO FESTVÍDEO

A agência experimental MGK, do sétimo semestre de Publicidade e Propaganda, teve um vídeo selecionado para a final de um dos mais respeitados prêmios publicitários do interior do País, o FestVídeo, na categoria Universitário.

O vídeo “Quarentena Animal” foi produzido em 2020, pelos estudantes Breno Oliveira Nicola, Emanuel Moraes dos Santos e José Guilherme do Prado Lopes, quando estavam no quinto semestre, durante a disciplina de Produção Publicitária em TV e cinema.

“Estávamos no começo da pandemia, daí a gente pensou: ‘muitos animais de estimação vivem praticamente em isolamento, eles saem na rua só as vezes’, daí achamos que seria legal colocar um cachorrinho na figura de um ser humano, pra trazer um pouco de humor para o vídeo”, disse José Guilherme.

Apesar dos esforços do grupo durante todo o processo de criação, filmagem e edição, para o futuro publicitário foi uma surpresa ver o vídeo entre os finalistas. “Ficamos felizes e surpresos, é muito bom ter esse reconhecimento, é uma honra participar de um evento tão grandioso. Estamos orgulhosos de conquistado esse momento”, afirma.

O vídeo também contou com a orientação da coordenadora do curso, Profa. Me. Maria Isabel Braga Souza, e do Prof. Me. Marcelo Gonçalves Correia. “Nós estimulamos que eles produzissem o material com recursos próprios e ferramentas simples, como o próprio celular, por exemplo. Nesse desafio eles puderam aprimorar algumas habilidades fundamentais para o mercado de trabalho, utilizando diversos recursos de linguagem”, afirma Gonçalves.

PREMIAÇÃO

A APP Ribeirão Preto, organizadora do evento, costuma realizar uma grande festa de premiação para o FestVídeo, mas em função da pandemia da COVID-19, esta edição será virtual, com um evento de premiação dia 28 de abril, às 20h00, com transmissão ao vivo nas redes sociais da entidade.

DIRETÓRIO DO PSDB PEDE NA JUSTIÇA RETIRADA DE OUTDOOR “FORA DÓRIA”


Há alguns dias foi instalado na cidade um outdoor com o rosto do Governador João Dória com dizeres “Fora Dória – PSDB nunca mais”. O ´Diretório Estadual do PSDB e outro´ recorreram à Justiça com pedido de ´Procedimento Comum Cível – Indenização por Dano Moral´.

O pedido foi analisado pelo Magistrado Dr. Danilo Pinheiro Spessoto que no dia 7 de abril assinou a sentença.

No documento o Juiz de Direito afirma O pleito de tutela de urgência, comporta deferimento. A liberdade de manifestação do pensamento e a liberdade de expressão/comunicação são direitos fundamentais, vedada qualquer censura prévia (Constituição Federal - art. 5º, IV e IX). Todavia, nenhum direito ou garantia fundamental é absoluto. A liberdade de manifestação não pode ser exercida de modo abusivo, ao ponto de ferir outros direitos ligados à dignidade da pessoa ou à honra. A Constituição Federal veda o anonimato (art. 5º, IV) e também garante o direito de resposta e a indenização por dano material, moral e à imagem (art. 5º, V).”

O texto da sentença também ressalta que o responsável pelo outdoor não foi identificado pelos autores do pedido, e que divulgou o outdoor – “numa avenida de intenso tráfego, a seguinte mensagem: “Cadê os respiradores? Cadê os 135 bilhões de repasse? Fora Dória e leve a corja do PSDB junto”. A mensagem traz, ainda, centralizada, a fotografia do governador de São Paulo.”

Depois destas e outras considerações o Magistrado deferiu a tutela de urgência; determinou a remoção imediata da publicação do outdoor localizando na Av. Durval Nicolau, em frente ao nº 1034 e 1074, pela empresa que o instalou que deve ainda identificar o contratante da publicação e apresentar cópias de eventuais documentos relacionados com o cliente.

Ana Maria Braga recebe presente de ex-aluna da Unifeob

A ex-aluna da Unifeob, Rosana Serelo, de Andradas – MG, formada em Administração de Empresas em 2008, foi convidada a participar de uma edição especial do Mais Você, programa matinal da Globo. Em homenagem ao aniversário de 72 anos de Ana Maria Braga, confeccionou uma boneca personalizada da apresentadora, deu um depoimento e apresentou seu empreendimento em rede nacional.

“Quando fui convidada, vi a oportunidade de mostrar ainda mais meu trabalho e senti uma gratidão imensa, percebendo como um serviço bem feito e cheio de amor pode nos levar a lugares incríveis”, conta Rosana. “Como o aniversário da Ana Maria estava por vir, a produtora sugeriu as bonecas como pauta, já que ela sempre valorizou o trabalho artesanal”. O presente foi aberto durante o programa e a apresentadora fez questão de exibir e elogiar o produto de Rosana.

Ana Maria Braga é conhecida por prestigiar o artesanato e fez questão de destacar a importância da atividade para a economia e cultura nacional. “Com técnicas simples e bom gosto, a gente consegue fazer coisas maravilhosas, isso eu aprendi com os artesãos”. Emocionada agradeceu Rosana pelo presente. “A Rô botou até o microfone [na boneca]. Ver isso acontecer desse jeito, que estou sendo agraciada, faz valer a pena cada dia, cada minuto, cada pensamento da minha vida”.

Rosana tinha em mente um objetivo bem definido para o futuro, desde o tempo de estudante. “Sempre tive o sonho de ter meu próprio ateliê de costura e personalizados. Cursar Administração na Unifeob fez com que minhas ações para o sucesso fossem certeiras; afinal, tinha conhecimento sobre diversas vertentes administrativas fundamentais para qualquer negócio dar certo”.

Lembrança & Afeto

No ateliê Costurinhas Andradas, Rosana confecciona, entre outros produtos, as bonecas Lembrança & Afeto, baseadas em fotografias de pessoas reais. “Nessa fase de afastamento que a pandemia nos trouxe, as bonecas vieram para preencher o coração das pessoas”, explica. “Elas estão trazendo alegria a esse momento triste que o mundo está passando e funcionam como um remédio afetivo para quem as recebe de presente. Afinal, o que menos quero vender são bonecas; quero vender afetividade através delas. E tem dado muito certo”, conclui.

Promoção Social e Fundo de Solidariedade divulgam locais de retirada de cestas básica

(Foto Assessoria Comunicação/Prefeitura Municipal)

Centenas de pessoas e empresários de São João da Boa Vista estão ajudando, e muito, na campanha de arrecadação de alimentos, produtos de higiene e limpeza organizada pelo Departamento de Assistência Social, em parceria com o Fundo Social de Solidariedade e ACE.

As cestas básicas já arrecadadas se encontram nos pontos de distribuição para as famílias em insegurança alimentar, mesmo que momentânea devido à atual momento da pandemia.

A Promoção Social do Município orienta que as famílias façam um contato telefônico antes de ir aos locais de distribuição, pois desta forma será possível organizar a entrega, e assim evitar aglomeração. Outro requisito é que a pessoa leve um comprovante de endereço e documento com foto, para manter o acompanhamento enquanto a família necessitar de apoio social.

Os endereços de retiradas e seus respectivos contatos são:

- PSB CENTRAL/RURAL - Rua General Carneiro, nº 344 B - Centro (3631-0304 / 99211-8058 / 98992-8068 / 99735-2708);

- CRAS RECANTO - Avenida Guilherme Guerreiro, nº 616 - Durval Nicolau (3633-7838 / 98992-8068 / 9270-5477 / 99271-6893 / 99743-6877 / 99740-3211);

- CRAS NOVA REPÚBLICA - Rua João Ramalho, nº 587 - Jardim Nova República (3623-4575 / 3631-0310);

- PSB PARQUE DOS RESEDÁS - Rua Alfeu Doval, nº 202 – Parque dos Resedás II Etapa (3635-6459).

E as arrecadações prosseguem até o dia 30 de abril. Confira os atuais e novos pontos de arrecadação na cidade:

- Estação das Artes: Praça Rui Barbosa nº 41, Rosário (8h às 11h e 12h às 17h);

- Centro Dia do Idoso: Rua João Boaventura, nº 50, Recanto das Águas (imediações do Clube da Sabesp – 7h30 às 11h30 e 13h às 15h30);

- Gring’s: Rua Eislében Cereja Corrêa Fonseca, nº 200, Distrito Industrial (7h às 17h).

DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO DISTRIBUI 7.500 OVOS DE PÁSCOA PARA CRIANÇAS DA REDE MUNICIPAL


Mesmo com as aulas remotas, por conta da pandemia do Coronavírus, as crianças que estudam na Rede Municipal de São João da Boa Vista não ficarão sem comemorar o tradicional feriado de Páscoa. O Departamento de Educação da Prefeitura sanjoanense adquiriu 7500 ovos de chocolate, que serão distribuídos à garotada nesta semana, incluindo ovos dietéticos para os diabéticos e sem lactose para aquelas com intolerância a lactose.

Mesmo durante a pandemia e as férias de janeiro, a Prefeitura não interrompeu a distribuição da merenda escolar, a qual o aluno consome em casa. Para as famílias cadastradas que retiram a refeição nas escolas, são confeccionadas diariamente cerca de 2.300 marmitas, seguindo o cardápio das nutricionistas da Rede Municipal. Além das refeições prontas, as crianças recebem frutas todos os dias, além de pães (quinzenalmente). Em breve, também receberão leite.

Já para a zona rural, são entregues mensalmente nas casas 139 kits contendo insumos não-perecíveis. A partir do mês de abril, as famílias que retirarem os kits nas escolas rurais, nos primeiros 10 dias, irão receber também 2 kg de carne.

SANTA CASA E UNIDADES DE PRONTO ATENDIMENTO DA REGIÃO VÃO UTILIZAR SOFTWARE DESENVOLVIDO PELA UNIFEOB


Na semana passada, a Unifeob foi convidada para criar um software de gerenciamento de leitos, integração de informações e otimização de comunicação para colaborar com a Santa Casa de Misericórdia “Dona Carolina Malheiros”, o Centro Covid, a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e prontos-socorros dos municípios de Aguaí e Águas da Prata. O programa foi desenvolvido pela equipe em tempo recorde: apenas dez dias, da ideia à implantação na última quarta-feira (24).

Por sua reconhecida capacidade tecnológica, a Unifeob foi acionada pelo diretor-geral da Santa Casa, Carlos Guisasola, que já foi professor e pró-reitor administrativo do Centro Universitário. 

“O aplicativo atende às três necessidades colocadas pela Santa Casa: faz a comunicação entre todos os setores – UPA, Centro Covid, prontos-socorros, Santa Casa, médicos e pacientes; permite cuidar da logística de ocupação de leitos em função do diagnóstico e encaminhamento para a Santa Casa; e possibilita fazer relatórios de todas as atividades diárias, semanais e mensais”, explica João Otávio Junqueira.

Benefício à população

A expectativa do diretor-geral do hospital é que cerca de 900 pessoas por mês sejam beneficiadas com o novo sistema. “A continuidade do atendimento dos pacientes transferidos vai ser muito melhor, porque os médicos já terão acompanhado todo o processo”. Outra vantagem é a possibilidade de gerar dados em tempo real. “Antes, a comunicação era feita por telefone. Além de possíveis problemas técnicos, não tínhamos estatísticas para fazer relatórios. Através do software, conseguimos fazer o monitoramento on-line 24 horas por dia de transferências, pacientes, melhorias a serem feitas, orientações, ocorrências e reuniões técnicas, por exemplo”.

Desenvolvimento

O objetivo do software é facilitar o registro e a comunicação em um processo ágil, organizado e seguro. “O médico pode preencher e enviar fichas com todas as informações e o estado atual dos pacientes, informando quais procedimentos já foram realizados e o que é necessário”, conta o gerente de Tecnologia da Informação (TI) da Unifeob, Wellington Silva, que supervisionou o desenvolvimento com o gerente de Projetos de Tecnologia, Rodrigo Marudi.

“Procuramos atacar logo o problema central do projeto: o workflow de aceitação de transferências”, relata o docente Anderson Ribeiro, coordenador do desenvolvimento à frente da equipe formada por Cézar Simionato, estudante de Análise e Desenvolvimento de Sistemas (ADS), e Érik Dias, colaborador do setor de TI da Unifeob. “Em apenas três dias, liberamos o sistema para testes enquanto implementávamos outras funcionalidades em paralelo – uma estratégia chamada de desenvolvimento ágil”.

Com a possibilidade de médicos se comunicarem via chat, todas as informações são facilmente recebidas e ficam registradas. “Eles conversam entre eles, apuram o estado do paciente, discutem as condições e decidem o que será feito”, conta Carlos Guisaasola. “A equipe realmente foi muito eficiente, unida e o resultado foi surpreendente”, finaliza Anderson Ribeiro.